Philobiblon (sm)(tm)

Back to Search     Back to Results


ID no. of Person BITAGAP bioid 4542
Name Antão Gonçalves (Fr.), alcaide-mor de Tomar
Sex M
Title alcaide-mor de Tomar
comendador de Tomar
Milestones Floruit 1473 ca.
Morador(a) em: Tomar
Associated Persons cavaleiro de: Henrique (Infante D.) o Navegador, 1o Duque de Viseu [1415-09]
amante de: Maria Gonçalves (Floruit 1473 ca.)
pai de (prole legitimada): Simão (Floruit 1473 ca.)
pai de (prole legitimada): Garcia (Floruit 1473 ca.)
pai de (prole legitimada): Valentim (Floruit 1473 ca.)
pai de (prole legitimada): Fernando (Floruit 1473 ca.)
Other Associations with Works texid 20965 Afonso V, 12. Rei de Portugal, Carta de legitimação de Simão, Garcia, Valentim e de Fernando, filhos de Antão Gonçalves, alcaide-mor e comendador da vila de Tomar, e de Maria Gonçalves, escrito/a 1473-07-17
texid 15860 Afonso V, 12. Rei de Portugal, Carta, em pública forma, comunicando que nomeara, na menoridade do Duque D. Diogo, Regedores e Governadores do Mestrado da Ordem de Cristo a Fr. Pero de Abreu e a Fr. Antão Gonçalves e ordenando lhes obedeção., escrito/a 1475-04-24
texid 15859 Afonso V, 12. Rei de Portugal, Carta nomeando Regedores e Governadores do Mestrado da Ordem de Cristo, na menoridade do Duque D. Diogo, a D. Fr. Pero de Abreu e a Fr. Antão Gonçalves, embora o rei nomeado para o cargo por Breve do Papa Sisto IV, escrito/a 1475-04-15
texid 14089 Henrique, 1o Duque de Viseu, Carta testamentária encarrregando Fr. Antão Gonçalves, escrivão da puridade e alcaide-mor e comendador do castelo de Tomar, e seus sucessores na dita alcaidaria, de fiscalizar a execução dos sufrágios ordenandos por sua alma, pelos difuntos da Ordem de Cristo e pelas pessoas a quem é obrigado rogar, escrito/a 1460-09-30
texid 17171 Luís Godinho, Certidão dos autos de desnaturamento, juramento, preito e menagem para guardar as terçarias dos Infantes no castelo de Moura feitos por Artur de Brito, alcaide de Beja, Henrique de Albuquerque, alcaide de Marvão, Rodrigo Afonso de Arcos, alcaide de Tavira, Lopo Chaínho, alcaide da Guarda, João Pereira, alcaide de Celorico da Beira, João Fernandes de Oliveira, alcaide de Castro Marim, Antão Gonçalves, alcaide de Tomar, Rui da Cunha, alcaide de Castelo Novo, Rui Velho, alcaide de Almourol, João da Rosa, alcaide de Penha Garcia e Estêvão Gonçalves, alcaide de Seguna, nas mãos de Fernão da Silveira, coudel-mor, escrito/a 1481-01-01
texid 33405 Rui de Pina, cronista-mor, Instrumento testemuhável dos autos de desnaturamento, juramento, preito e menagem para guardar as terçarias dos Infantes no castelo de Moura feitos por Artur de Brito, alcaide de Beja, Henrique de Albuquerque, alcaide de Marvão, Rodrigo Afonso de Arcos, alcaide de Tavira, Lopo Chaínho, alcaide da Guarda, João Pereira, alcaide de Celorico da Beira, João Fernandes de Oliveira, alcaide de Castro Marim, Antão Gonçalves, alcaide de Tomar, Rui da Cunha, alcaide de Castelo Novo, Rui Velho, alcaide de Almourol, João da Rosa, alcaide de Penha Garcia e Estêvão Gonçalves, alcaide de Seguna, nas mãos de Fernão da Silveira, coudel-mor, escrito/a 1481-01-01
Other associations with MSS, printed editions, or copies of editions manid 3885 MS: Lisboa: Torre do Tombo, Manuscritos da Livraria, 516. Tomar:, 1461-01-09 a quo. Henrique, 1o Duque de Viseu, Testamento, escrito/a 1460-10-28.
References (most recent first) Vida referida em Garcia (2016), “Lisboa e o início dos descobrimentos portugueses”, Ceuta e a Expansão Portuguesa. Actas XIV Simpósio de História Marítima,10 a 12 de Novembro de 2015 309-11
Record Status Created 2004-03-23
Updated 2021-08-10