Philobiblon (sm)(tm)

Back to Search     Back to Results


ID no. of Person BITAGAP bioid 2840
Name Inês de Castro (D.) (Nascimento 1320 a quo)
Sex F
Milestones Nascimento 1320 a quo
Óbito Coimbra 1355
Associated Persons filha de: Pedro Fernández de Castro (D.) o da Guerra (Óbito 1344)
filha de: Aldonça Soares de Valadares, amante de Pedro Fernández de Castro
meia-irmã de: Fernão Rodrigues de Castro (D.) (Floruit 1344 ca. - 1371 após)
irmã de: Álvaro Pires de Castro (D.), 1o condestável de Portugal [1382]
meia-irmã de: Joana de Castro (D.), filha de Pedro Fernández de Castro
mãe de: Dinis de Castro (Infante D.), Infante
mãe de: Beatriz (D.), Condesa de Albuquerque
*amante: Pedro I (D.) o Justiceiro, 8. Rei de Portugal [1357-08-05]
mãe de (prole natural): João (Infante D.), 1o Duque de Valencia de Campos [1387-12-22]
Other Associations with Works texid 8111 Afonso IV, 7o Rei de Portugal… Concórdia sobre as desavenças seguidas à morte de D. Inês, escrito/a 1355-08-14 ?
texid 3429 Garcia de Resende, Trovas à morte de Inês de Castro, escrito/a 1500 - 1501
texid 9388 Gonçalo Peres, Minunta dos Juramentos a respeito do matrimónio de D. Pedro I e D. Inês de Castro, escrito/a 1360-06-18
texid 14549 Innocentius VI, Papa, Epístola (em que se recusa ratificar o casamento de D. Pedro com Inês de Castro e também a atribuição da legitimização dos seus filhos) (tr. Fernão Lopes, cronista-mor), escrito/a 1361-07-15
References (most recent first) Muxagata (2019), “A corte de D. Pedro I (1320-1367)”, 39-40
Conde Cid (2018), “Juana e Inés de Castro”, Reinas e infantas en los reinos medievales ibéricos. Contribuciones para su estudio. Actas del Congreso Internacional, Santiago de Compostela, 21-23 de mayo de 2014
Costa (2018), “D. Pedro I: o rei português com um número indeterminado de matrimónios”, Casamentos da Família Real Portuguesa. Êxitos e fracassos 2:101-05
Santos-Silva (2018), “Estas Senhoras Rainhas. Trajetórias de Poder na Realeza Medieval Portuguesa (Séculos XII ao XV) - Um Estudo de Queenship”,
Silva (2017), “Inês de Castro: da crônica ao mito e a poética da ausência”, Interfaces 8:4:69-79
Valdaliso-Casanova (2017), “Ipsa domina agnes. On the historical basis of the myth of Inês de Castro”, Proslogion 3:1:90-117, 309-11
Morán Cabanas (2015), “Inês de Castro e a Insigne rainha Isabel de Portugal revisitadas por Carolina Michaëlis de Vasconcelos”, Carolina Michaëlis de Vasconcelos: uma homenagem 102-21
Fernandes (2014), “Usurpações, casamentos régios, exílios e confiscos, as agruras de um nobre português do século XIV”, Revista de História Helikon
Wikimedia Foundation (2012-), Wikidata , n. Q234022
Aranjo (2012), “Inês de Castro (?-1355) au Portugal et en Espagne”, Literatures ibèriques medievals comparades - Literaturas ibéricas medievales comparadas 65-77
Medeiros (2012), “Inês de Castro: a face feminina do amor medieval em Portugal”, II Seminário de Estudos Medievais da Paraíba. Sábias, Guerreiras e Místicas. Homenagem aos 600 anos de Joana D'Arc. Anais 172-79
Oliveira (2010), Rainhas Medievais de Portugal. Dezassete mulheres, duas dinastias, quatro séculos de História 257-304
Sousa (2009), D. Afonso IV 159-76
Costa (2009), Inês de Castro (1320?-1355): Musa de tantas paixões. Bibliografia Anotada
Rodrigues (2008), “Rainhas medievais de Portugal: Funções, patrimónios, poderes”, Clio. Revista do Centro de História da Universidade de Lisboa. Nova série 16-17:142
Nogueira (2007), “Amor de perdição: as mulheres entre a monarquia e o poder aristocrático nas crônicas portuguesas”, Raízes Medievais do Brasil Moderno. Actas. 167-72
Santos (2007), “O valor da escrita em tempos de Inês de Castro: notas sobre um livro”, Raízes Medievais do Brasil Moderno. Actas. 173-82
Santos et al. (2005), O valor da escrita em tempos de Inês de Castro
Fernandes (2005), “As potencialidades da função da aia na Baixa Idade Média”, Estudios de Historia de España 7:79-84
Romero Portilla (1998), “Implicaciones gallegas en el caso de Inés de Castro”, Revista da Faculdade de Letras. História. 2a série 15:1493-1508
Machado (1966), Amores de D. Pedro e D. Inês em terras de Lourinhã, de Gaia e de Coimbra
Benevides (1878), Rainhas de Portugal: estudo historico com muitos documentos 1:205-16
Botta (1999), Inês de Castro. Studi. Estudos. Estudios
Cusmai Belardinelli (1999), “Scheda”, Inês de Castro. Studi. Estudos. Estudios 11-18
Stegagno Picchio (1999), “Inês de Castro: radiografia di un mito”, Inês de Castro. Studi. Estudos. Estudios 19-25
Uriarte Rebaudi (1999), “Inés de Castro, mártir y mito”, Inês de Castro. Studi. Estudos. Estudios 27-34
Jones (1998), “Historical and Literary Perspectives in the Episode of Inés de Castro (Portugal, Afonso IV, Pedro I, Truth, Meaning, Hayden White, Tzvetan Todorov)”,
Maleval (1995), “Inês de Castro revistada”, Rastros de Eva […] 95-114
Maleval (1993), “Inês de Castro: insígnias de um palimpsesto”, Agália
Balse (1993), “Don Pedro Ier de Portugal et Ines de Castro: des sources historiques et littéraires portugaises à ‘La Reine Morte'”, Arquivos do Centro Cultural Português 32:389-416
Marinho (1992), “Inês de Castro - outra era a vez”, Singularidades de uma Cultura Plural. XIII Encontro de Professores Brasileiros de Literatura Portuguesa
Domingues (1992), “Inês de Castro em Camões e Garcia de Resende”, Singularidades de uma Cultura Plural. XIII Encontro de Professores Brasileiros de Literatura Portuguesa
Roig (1986), Inesiana ou Bibliografia Geral sobre Inês de Castro
Sena (1967), “Inês de Castro”, Estudos de História e de Cultura (1.a Série) Vol. 1 123-618
Asensio (1965), “Inés de Castro de la crónica al mito”, Boletim de Filologia 21:337-58
Zúquete (1960-61), Nobreza de Portugal 1:216-19
Subject Recursos electrónicos - Internet
Internet https://www.wikidata.org/wiki/Q234022 visto 2021-07-13
Record Status Created 1991-08-05
Updated 2021-07-13