Philobiblon (sm)(tm)

Back to Search     Back to Results


ID no. of Reference BITAGAP bibid 22209
Format livro. edição de texto. impresso
Title O Livro do Tombo das Escrituras e Privilégios da Vila de Muge, 1467 (1727)
Associated persons Gonçalo Lopes (Transcr.)
Place / Publisher Salvaterra de Magos: Câmara Municipal de Salvaterra de Magos
Date / Location 2020: pp. 98
ISBN/ISSN ISBN-13: 978-972-96915-8-4
Subject Muge
Privilégios - Foros - Usos e Costumes
Recursos electrónicos - Internet
Internet https://www.academia.edu/44269699/O_Livro_do_Tombo_das_Escrituras_e_Privil%C3%A9gios_da_Vila_de_Muge_1467_1727_ visto 2020-10-12
Source of Data for Witnesses cnum 51953 MS: Afonso Domingues, tabelião em Santarém, Instrumento testemunhável das declarações feitas e escrituras apresentadas na contenda entre o concelho de Santarém e o concelho de Muge sobre o limite entre os termos dos ditos concelhos, escrito/a 1434-04-02 - 1434-05-15. Salvaterra de Magos: Arquivo Histórico de Salvaterra de Magos (Câmara de Muge), Tombo de Muge, 1727-10-18
cnum 51979 MS: Afonso Eanes, tabelião em Azambuja, Carta de traslado testemunhável do pregão feito por Aires Domingues, pregoeiro na Azambuja, de uma carta de D. João I para todos aqueles que tiverem bens de sesmaria na vila de Muge, escrito/a 1395-11-26. Salvaterra de Magos: Arquivo Histórico de Salvaterra de Magos (Câmara de Muge), Tombo de Muge, 1727-10-18
cnum 51917 MS: Afonso IV, 7o Rei de Portugal, Carta mandando que não seja cortada a madeira nas ademas da vila de Muge sem pagarem ao Concelho, escrito/a 1328-03-13. Salvaterra de Magos: Arquivo Histórico de Salvaterra de Magos (Câmara de Muge), Tombo de Muge, 1727-10-18
cnum 51926 MS: Afonso IV, 7o Rei de Portugal, Carta mandando que se cumpram uma sua e outra de D. Dinis que isentava os povoadores de Muge de servirem em hoste por mar nem por terra, escrito/a 1337-05-10. Salvaterra de Magos: Arquivo Histórico de Salvaterra de Magos (Câmara de Muge), Tombo de Muge, 1727-10-18
cnum 51925 MS: Afonso IV, 7o Rei de Portugal, Carta para o Concelho de Muge que confirma uma de Dinis isentando os povoadores da dita vila de servirem em hoste por mar nem por terra, escrito/a 1337-03-29. Salvaterra de Magos: Arquivo Histórico de Salvaterra de Magos (Câmara de Muge), Tombo de Muge, 1727-10-18
cnum 51947 MS: Afonso IV, 7o Rei de Portugal, Privilégios (Confirmação geral) do concelho de Muge, escrito/a 1346-06-23. Salvaterra de Magos: Arquivo Histórico de Salvaterra de Magos (Câmara de Muge), Tombo de Muge, 1727-10-18
cnum 51929 MS: Afonso IV, 7o Rei de Portugal, Privilégios dos moradores de Muge [que os ricos, cavaleiros e poderosos não lhes tomem galinhas, palhas, etc. e se os tomassem os pagariam o preço devido.], escrito/a 1342-04-16. Salvaterra de Magos: Arquivo Histórico de Salvaterra de Magos (Câmara de Muge), Tombo de Muge, 1727-10-18
cnum 51964 MS: Afonso V, 12. Rei de Portugal, Alvará de resposta a certos capítulos sobre o paul de Muge apresentados pelo Concelho da dita vila, escrito/a 1446-06-13. Salvaterra de Magos: Arquivo Histórico de Salvaterra de Magos (Câmara de Muge), Tombo de Muge, 1727-10-18
cnum 51977 MS: Afonso V, 12. Rei de Portugal, Carta a João Matela, contador na vila e comarca de Santarém, mandando que deixe dar ao Concelho de Muge as terras de sesmarias, como as sempre deram, escrito/a 1468-11-10. Salvaterra de Magos: Arquivo Histórico de Salvaterra de Magos (Câmara de Muge), Tombo de Muge, 1727-10-18
cnum 51975 MS: Afonso V, 12. Rei de Portugal, Carta para João de Avis, monteiro-mor em Muge, confirmando um privilégio de D. João I, que mandava que os moradores da dita vila pudessem cortar madeira para o fazimento das suas casas no paul da dita vila e que novamente possam arrancar torga e cepa em todo o termo da dita vila, sem embargo de ser defeso pelo regimento régio que tem o dito monteiro-mor., escrito/a 1473-09-19. Salvaterra de Magos: Arquivo Histórico de Salvaterra de Magos (Câmara de Muge), Tombo de Muge, 1727-10-18
cnum 51918 MS: Afonso V, 12. Rei de Portugal, Carta para os Concelho e Homens Bons de Muge, que descouta a ribeira de Lamorosa, escrito/a 1440-09-20. Salvaterra de Magos: Arquivo Histórico de Salvaterra de Magos (Câmara de Muge), Tombo de Muge, 1727-10-18
cnum 51921 MS: Afonso V, 12. Rei de Portugal, Carta para os juízes de Muge, que não dem pousadia na dita vila a nenhuma pessoa que chegue, salvo quando não couberem na estalagem e que então lha dem por seus dineiros, escrito/a 1449-10-10. Salvaterra de Magos: Arquivo Histórico de Salvaterra de Magos (Câmara de Muge), Tombo de Muge, 1727-10-18
cnum 51974 MS: Afonso V, 12. Rei de Portugal, Carta para os juízes, oficiais e homens bons da vila de Muja mandando que não façam mais carvão para a Moeda de Lisboa nas charnecas e matas da dita vila, sem embargo dos privilégios que a dita Moeda tem, e que se guarde o privilegio régio das matas que eles têm dele, escrito/a 1473-10-08. Salvaterra de Magos: Arquivo Histórico de Salvaterra de Magos (Câmara de Muge), Tombo de Muge, 1727-10-18
cnum 51920 MS: Afonso V, 12. Rei de Portugal, Carta para os pousentadores e outros oficiais da vila de Muge mandando que aos povoadoresnão lhes tomem nenhumas roupas de cama para as levarem a outras partes, escrito/a 1451-03-01. Salvaterra de Magos: Arquivo Histórico de Salvaterra de Magos (Câmara de Muge), Tombo de Muge, 1727-10-18
cnum 51959 MS: Afonso V, 12. Rei de Portugal, Cortes de 1439 (Lisboa), Capítulos de Muge, escrito/a 1440-01-10. Salvaterra de Magos: Arquivo Histórico de Salvaterra de Magos (Câmara de Muge), Tombo de Muge, 1727-10-18
cnum 51952 MS: Afonso V, 12. Rei de Portugal, Privilégios (Confirmação geral) do concelho de Muge, escrito/a 1449-10-11. Salvaterra de Magos: Arquivo Histórico de Salvaterra de Magos (Câmara de Muge), Tombo de Muge, 1727-10-18
cnum 33400 MS: Concelho de Coruche ~ Concelho de Muge… Instrumento testemunhável da demarcação dos limites entre os termos de Muge e de Coruche, escrito/a 1433-02-03. Coruche: Museu Municipal [Biblioteca], Tombo da Vila de Coruche, 1687
cnum 51932 MS: Concelho de Muge, Postura e procuração dos oficiais e concelho de Muge sobre as taxas a pagar pelos barqueiros das barcas de Valada no Tejo, escrito/a 1316-04-22. Salvaterra de Magos: Arquivo Histórico de Salvaterra de Magos (Câmara de Muge), Tombo de Muge, 1727-10-18
cnum 51938 MS: Dinis, 6o Rei de Portugal, Carta ao concelho de Muge outorgando as coutadas dos coelhos e da madeira estabelecidas pelo concelho no termo da dita vila, escrito/a 1315-08-26. Salvaterra de Magos: Arquivo Histórico de Salvaterra de Magos (Câmara de Muge), Tombo de Muge, 1727-10-18
cnum 51916 MS: Dinis, 6o Rei de Portugal, Carta dando à vila e aos pobradores de Muge o paul de dita vila e prometendo fazer pontes, escrito/a 1304-12-06. Salvaterra de Magos: Arquivo Histórico de Salvaterra de Magos (Câmara de Muge), Tombo de Muge, 1727-10-18
cnum 51933 MS: Dinis, 6o Rei de Portugal, Carta em que toma à sua guarda e defendimento o concelho de Muge e todos os seus vizinhos, escrito/a 1305-06-01. Salvaterra de Magos: Arquivo Histórico de Salvaterra de Magos (Câmara de Muge), Tombo de Muge, 1727-10-18
cnum 51924 MS: Dinis, 6o Rei de Portugal, Carta mandando que todos aqueles que de Santarém forem para Salvaterra de Magos, Coruche, Benavente e Setúbal ou das ditas vilas vierem para Santarém passem por Muge, escrito/a 1304-11-02. Salvaterra de Magos: Arquivo Histórico de Salvaterra de Magos (Câmara de Muge), Tombo de Muge, 1727-10-18
cnum 51930 MS: Dinis, 6o Rei de Portugal, Carta para o Concelho de Muge sobre as taxas a pagar pelos barqueiros das barcas de Valada no Tejo, escrito/a 1316-05-03. Salvaterra de Magos: Arquivo Histórico de Salvaterra de Magos (Câmara de Muge), Tombo de Muge, 1727-10-18
cnum 51928 MS: Dinis, 6o Rei de Portugal, Privilégios dos moradores de Muge [isentos de servirem em hoste por mar nem por terra, anúduva nem em fossado], escrito/a 1304-05-24. Salvaterra de Magos: Arquivo Histórico de Salvaterra de Magos (Câmara de Muge), Tombo de Muge, 1727-10-18
cnum 51936 MS: Diogo Domingues, tabelião régio em Santarém, Instrumento testemunhável do requerimento da sentença e transacção da contenda entre o Abade, D. João Eanes de Ornelas, do Mosteiro de Alcobaça, e o Concelho e Homens Bons sobre a nomeação dum capelão para a Igreja de Santa Maria da dita vila, escrito/a 1391-07-10. Salvaterra de Magos: Arquivo Histórico de Salvaterra de Magos (Câmara de Muge), Tombo de Muge, 1727-10-18
cnum 51981 MS: Diogo Vasques, tabelião régio em Muge, Carta testemunhnável dum feito perante Álvaro Eanes, juiz em Muge, no qual foi lido o regimento de sesmarias de D. João I, de 1395-03-18, e considerados mais três documentos, de 1395 e 1396 do dito rei derivados do dito regimento, aos concelhos de Salvaterra, de Santarém e de Azambuja, escrito/a 1406-12-15. Salvaterra de Magos: Arquivo Histórico de Salvaterra de Magos (Câmara de Muge), Tombo de Muge, 1727-10-18
cnum 51970 MS: Diogo Vasques, tabelião régio em Muge, Carta testemunhável da sentença de Baldovim Garnada, juíz ordinário em Muge, para a contenda entre o Concelho da dita vila e Álvaro Pires, morador nela, sobre um pinheiro 'a par da vila' de que ele estava em posse [o prinheiro volta ao Concelho e Álvaro Pires ficava agravado mas não apelava], escrito/a 1426-09-13. Salvaterra de Magos: Arquivo Histórico de Salvaterra de Magos (Câmara de Muge), Tombo de Muge, 1727-10-18
cnum 51963 MS: Diogo Vasques, tabelião régio em Muge, Instrumento testemunhável da publicação de uma nova postura do Concelho de Muge que manda guardar uma sua antiga que proibia a importação de vinhos de fora da vila, escrito/a 1414-10-11. Salvaterra de Magos: Arquivo Histórico de Salvaterra de Magos (Câmara de Muge), Tombo de Muge, 1727-10-18
cnum 51967 MS: Diogo Vasques, tabelião régio em Muge, Instrumento testemunhável da sentença de João Domingues, juiz em Muge, na contenda entre o Concelho da dita vila e os parceiros da barca de Muge, Lourenço Dias e João Martins, por levarem mais (dos moradores, seus mancebos e servidores da dita vila) pela passagem na barca de Muge que se costuma levar pela passagem nas barcas do Porto de Santarém [que não levem salvo como nas barcas de Santarém], escrito/a 1412-07-02. Salvaterra de Magos: Arquivo Histórico de Salvaterra de Magos (Câmara de Muge), Tombo de Muge, 1727-10-18
cnum 51972 MS: Diogo Vasques, tabelião régio em Muge, Instrumento testemunhável da sentença de Álvaro Eanes, juiz em Muge, no processo, apresentado por João Martins, clérigo da Igreja de Santa Maria da dita vila, para a recuperação de vários llivros, cartas e ornamentos da dita igreja deixados em guarda de Leonor Martins pelo antigo clérigo e capelão da dita igreja, João Eanes [que sejam tornados à dita igreja], escrito/a 1435-02-05. Salvaterra de Magos: Arquivo Histórico de Salvaterra de Magos (Câmara de Muge), Tombo de Muge, 1727-10-18
cnum 51962 MS: Duarte, 11. Rei de Portugal, Alvará para os moradores e vizinhos de Muge, ordenando que se guarde a antiga coutada do concelho de Muge como sempre foi (recentemente descoutada) e mandando que os ditos moradores e vizinhos possam caçar na nova coutada feita no lugar de Montalvo, escrito/a 1438-07-03. Salvaterra de Magos: Arquivo Histórico de Salvaterra de Magos (Câmara de Muge), Tombo de Muge, 1727-10-18
cnum 51958 MS: Duarte, 11. Rei de Portugal, Carta delimitando os termos de Muge e Santarém, escrito/a 1434-07-02. Salvaterra de Magos: Arquivo Histórico de Salvaterra de Magos (Câmara de Muge), Tombo de Muge, 1727-10-18
cnum 51941 MS: Duarte, 11. Rei de Portugal, Carta mandando que os mancebos de Muge não sejam tomados para soldadas nem para servirem em outras partes, escrito/a 1435-01-19. Salvaterra de Magos: Arquivo Histórico de Salvaterra de Magos (Câmara de Muge), Tombo de Muge, 1727-10-18
cnum 51968 MS: Duarte, 11. Rei de Portugal, Carta para os juízes de Muge, que não dem pousadia na dita vila a nenhuma pessoa que chegue, mandando que vão à estalagem, salvo aqueles que mostrarem mandado régio ou seu, e que os que não couberem na estalagem recebam pousadas, segundo lhes cumprirem, e paguem os donos dellas como se pousassem na estalagem, escrito/a 1430-12-01. Salvaterra de Magos: Arquivo Histórico de Salvaterra de Magos (Câmara de Muge), Tombo de Muge, 1727-10-18
cnum 51919 MS: Duarte, 11. Rei de Portugal, Carta para que não façam mal nem torto ao Concelho de Muge nem aos seus vizinhos, gados e herdamentos, escrito/a 1433-11-23. Salvaterra de Magos: Arquivo Histórico de Salvaterra de Magos (Câmara de Muge), Tombo de Muge, 1727-10-18
cnum 51951 MS: Duarte, 11. Rei de Portugal, Privilégios [Confirmação geral] do concelho de Muge, escrito/a 1433-11-22. Salvaterra de Magos: Arquivo Histórico de Salvaterra de Magos (Câmara de Muge), Tombo de Muge, 1727-10-18
cnum 51965 MS: Fernando I, 9. Rei de Portugal, Canta mandando que os estribeiros, anadeis das bestas e todas as outras justiças não tomem aos moradores da vila de Muge bestas para levarem carga ainda que as achen fora da dita vila em outras partes, escrito/a 1370-08-01. Salvaterra de Magos: Arquivo Histórico de Salvaterra de Magos (Câmara de Muge), Tombo de Muge, 1727-10-18
cnum 51915 MS: Fernando I, 9. Rei de Portugal, Carta de privilégios dos moradores de Muge [escusados de irem com presos e com dinheiros, isentos de velarem e roldarem e irem em hoste, nem lhes tomem coisa alguma, escrito/a 1370-06-09. Salvaterra de Magos: Arquivo Histórico de Salvaterra de Magos (Câmara de Muge), Tombo de Muge, 1727-10-18
cnum 51957 MS: Fernando I, 9. Rei de Portugal, Carta mandando que os limites do termo da vila de Muge fossem os que eram quando a dita vila pertencia a Alcobaça, escrito/a 1369-03-04. Salvaterra de Magos: Arquivo Histórico de Salvaterra de Magos (Câmara de Muge), Tombo de Muge, 1727-10-18
cnum 51942 MS: Fernando I, 9. Rei de Portugal, Carta mandando que os limites do termo da vila de Muge fossem os que eram quando a dita vila pertencia a Alcobaça, escrito/a 1369-03-04. Salvaterra de Magos: Arquivo Histórico de Salvaterra de Magos (Câmara de Muge), Tombo de Muge, 1727-10-18
cnum 51939 MS: Fernando I, 9. Rei de Portugal, Privilégios (Confirmação) dos moradores de Muge [isentos de pagarem em pedidos especiais], escrito/a 1379-04-25. Salvaterra de Magos: Arquivo Histórico de Salvaterra de Magos (Câmara de Muge), Tombo de Muge, 1727-10-18
cnum 51949 MS: Fernando I, 9. Rei de Portugal, Privilégios [Confirmação geral] do concelho e homens bons de Muge, escrito/a 1367-03-14. Salvaterra de Magos: Arquivo Histórico de Salvaterra de Magos (Câmara de Muge), Tombo de Muge, 1727-10-18
cnum 28910 MS: Fernando I, 9. Rei de Portugal, Privilégios dos moradores do paul de Muge, escrito/a 1376-08-09. Lisboa: Torre do Tombo (Chancelaria Régia), Chancelaria de D. Fernando, liv. 1, 1463
cnum 51954 MS: Gil Gonçalves, tabelião em Muge, Instrumento testemunhável da inquirição feita na contenda entre o concelho de Santarém e o concelho de Muge sobre o limite entre os termos dos ditos concelhos, escrito/a 1442-10-16. Salvaterra de Magos: Arquivo Histórico de Salvaterra de Magos (Câmara de Muge), Tombo de Muge, 1727-10-18
cnum 51955 MS: Gil Gonçalves, tabelião em Muge, Instrumento testemunhável do traslado dum documento do rei D. Fernando sobre os limites de Muge e de Santarém, escrito/a 1433-12-24. Salvaterra de Magos: Arquivo Histórico de Salvaterra de Magos (Câmara de Muge), Tombo de Muge, 1727-10-18
cnum 51961 MS: Gil Rodrigues, tabelião régio em Santarém, Instrumento testmunhável que fala do marco que está acerca do Paço do Relheiro e junto com o Valado Velho numa alverca que vem do Tejo, que partia o termo de Santarém e com o do Concelho de Muge, escrito/a 1402-06-01. Salvaterra de Magos: Arquivo Histórico de Salvaterra de Magos (Câmara de Muge), Tombo de Muge, 1727-10-18
cnum 51969 MS: Gonçalo Eanes, tabelião régio em Santarém, Instrumento testemunhável da continuação de posse do termo da vila de Muge em nome do Concelho da dita vila, escrito/a 1441-03-07. Salvaterra de Magos: Arquivo Histórico de Salvaterra de Magos (Câmara de Muge), Tombo de Muge, 1727-10-18
cnum 51973 MS: João Eanes, clérigo, Rol dos livros, cartas e ornamentos da Igreja de Santa Maria de Muge deixados em guarda de Leonor Martins, escrito/a 1435 antes de. Salvaterra de Magos: Arquivo Histórico de Salvaterra de Magos (Câmara de Muge), Tombo de Muge, 1727-10-18
cnum 51982 MS: João Esteves, tabelião régio em Salvaterra de Magos, Carta de traslado testemunhável do pregão feito por Vicente Eanes, porteiro da vila de Salvaterra de Magos, de uma carta de D. João I para o Concelho da dita vila e para todos aqueles que tiverem bens de sesmaria na vila de Muge e seu termo., escrito/a 1395-08 ?. Salvaterra de Magos: Arquivo Histórico de Salvaterra de Magos (Câmara de Muge), Tombo de Muge, 1727-10-18
cnum 51971 MS: João I, 10. Rei de Portugal, Carta aos juízes de Muge ordenando que fossem feitos éditos nessa vila e em Santarém e Salvaterra para que as pessoas que tivessem bens de sesmaria em Muge que tivessem sido destruídos pela guerra com Castela fossem repará-los e cuidar deles no prazo de um ano., escrito/a 1395-03-18. Salvaterra de Magos: Arquivo Histórico de Salvaterra de Magos (Câmara de Muge), Tombo de Muge, 1727-10-18
cnum 51943 MS: João I, 10. Rei de Portugal, Carta aos juízes de Muge ordenando que fossem feitos éditos nessa vila e em Santarém e Salvaterra para que as pessoas que tivessem bens de sesmaria em Muge que tivessem sido destruídos pela guerra com Castela fossem repará-los e cuidar deles no prazo de um ano., escrito/a 1395-03-18. Salvaterra de Magos: Arquivo Histórico de Salvaterra de Magos (Câmara de Muge), Tombo de Muge, 1727-10-18
cnum 51940 MS: João I, 10. Rei de Portugal, Carta confirmando os privilégios dados por D. Dinis, 1304-05-24, e guardados pelo rei D. Fernando, seu pai, aos moradores de Muge [isentos de servirem em hoste, anúduva nem em fossado], escrito/a 1397-06-27. Salvaterra de Magos: Arquivo Histórico de Salvaterra de Magos (Câmara de Muge), Tombo de Muge, 1727-10-18
cnum 51912 MS: João I, 10. Rei de Portugal, Carta de sentença pela qual foi julgado pertencer ao rei a portagem, mordomado, açougagem e outros direitos na vila de Muge, escrito/a 1392-01-29. Lisboa: Torre do Tombo (Gavetas), Gaveta 12, maço 6, n.6, 1392-01-29
cnum 51946 MS: João I, 10. Rei de Portugal, Carta mandando que as coimas do paul de Muge sejam para os Concelho e das ademas que façam sua posturas segundo quizerem, escrito/a 1426-03-09. Salvaterra de Magos: Arquivo Histórico de Salvaterra de Magos (Câmara de Muge), Tombo de Muge, 1727-10-18
cnum 51923 MS: João I, 10. Rei de Portugal, Carta mandando que não pague foro a vinha de Val de Lobos, escrito/a 1395-03-15. Salvaterra de Magos: Arquivo Histórico de Salvaterra de Magos (Câmara de Muge), Tombo de Muge, 1727-10-18
cnum 51950 MS: João I, 10. Rei de Portugal, Privilégios (Confirmação geral) do concelho e homens bons de Muge, escrito/a 1386-12-04. Salvaterra de Magos: Arquivo Histórico de Salvaterra de Magos (Câmara de Muge), Tombo de Muge, 1727-10-18
cnum 51944 MS: João I, 10. Rei de Portugal, Privilégios dos homes bons de Muge [poderem cortar a madeira que quisessem no paul de Muge], escrito/a 1402-10-18. Salvaterra de Magos: Arquivo Histórico de Salvaterra de Magos (Câmara de Muge), Tombo de Muge, 1727-10-18
cnum 51922 MS: Lourenço Dias, juiz em Muge ~ João Domingues, juiz em Muge… Carta testemunhável da apresentação de uma carta de D.João I sobre o pagamento de foro da vinha de Val de Lobos [isento do pagamento], escrito/a 1412-04-18. Salvaterra de Magos: Arquivo Histórico de Salvaterra de Magos (Câmara de Muge), Tombo de Muge, 1727-10-18
cnum 51966 MS: Pedro I, 8. Rei de Portugal, Carta de privilégios dos peões e besteiros da vila de Muge (entre outras coisas, escusados de irem em hoste, nem em fossado, nem peitar em nenhum coisa), escrito/a 1366-06-01. Salvaterra de Magos: Arquivo Histórico de Salvaterra de Magos (Câmara de Muge), Tombo de Muge, 1727-10-18
cnum 51948 MS: Pedro I, 8. Rei de Portugal, Privilégios [Confirmação] do concelho e homens bons de Muge, escrito/a 1359-07-08. Salvaterra de Magos: Arquivo Histórico de Salvaterra de Magos (Câmara de Muge), Tombo de Muge, 1727-10-18
cnum 51976 MS: Rodrigo Afonso, escolar em direito canónico, Recopilação testemunhável de documentos do processo e transacção, perante D. João Eanes (bispo de Lisboa), da contenda entre o Concelho e Homens Bons de Muge e o Abade, D. João Eanes de Ornelas, e Convento do Mosteiro de Alcobaça, por não ter o dito Abade nomeado um capelão que cantasse missa na Igreja de Santa Maria da dita vila de Muge, como era obrigado o dito Abade por razão das dízimas e direitos que tinha da dita igreja, escrito/a 1390-04-21. Coimbra: UdC Letras (Biblioteca Central), Casa Forte, 1467-05-25
cnum 51934 MS: Rodrigo Afonso, escolar em direito canónico, Recopilação testemunhável de documentos do processo e transacção, perante D. João Eanes (bispo de Lisboa), da contenda entre o Concelho e Homens Bons de Muge e o Abade, D. João Eanes de Ornelas, e Convento do Mosteiro de Alcobaça, por não ter o dito Abade nomeado um capelão que cantasse missa na Igreja de Santa Maria da dita vila de Muge, como era obrigado o dito Abade por razão das dízimas e direitos que tinha da dita igreja, escrito/a 1390-04-21. Salvaterra de Magos: Arquivo Histórico de Salvaterra de Magos (Câmara de Muge), Tombo de Muge, 1727-10-18
cnum 51937 MS: Rodrigo Eanes do Cercal, Instrumento de requerimento da transacção entre o Abade, D. João Eanes de Ornelas, do Mosteiro de Alcobaça e o Concelho e Homens Bons da vila de Muge sobre um capelão para a Igreja de Santa Maria da dita vila, escrito/a 1392-07-18. Salvaterra de Magos: Arquivo Histórico de Salvaterra de Magos (Câmara de Muge), Tombo de Muge, 1727-10-18
cnum 51980 MS: Rodrigo Eanes, tabelião régio em Santarém, Carta de traslado testemunhável do pregão feito por João Balador, pregoeiro de Santarém, de uma carta de D. João I para todos aqueles que tiverem bens de sesmaria na villa de Muge, escrito/a 1395-11-26. Salvaterra de Magos: Arquivo Histórico de Salvaterra de Magos (Câmara de Muge), Tombo de Muge, 1727-10-18
cnum 51914 MS: Rui Pires, escrivão na Comarca de Entre Tejo e Odiana, Instrumento testemunhável da autorização e justificacão do traslado, verbo a verbo num novo Tombo de Muge, dos antigos privilégios, escrituras e liberdades do Concelho e dos moradores da dita vila, escrito/a 1467-05-25. Salvaterra de Magos: Arquivo Histórico de Salvaterra de Magos (Câmara de Muge), Tombo de Muge, 1727-10-18
cnum 51935 MS: Vasco Eanes, tabelião régio em Santarém, Instrumento testemunhável da sentença da apelação feita pelo Abade, D. João Eanes de Ornelas, e o convento do Mosteiro de Alcobaça na contenda entre o Abade do dito Mosteiro e o Concelho e Homens Bons da vila de Muge, sobre a transaccão da nomeação dum capelão para a Igreja de Santa Maria da dita vila, escrito/a 1391-05-28. Salvaterra de Magos: Arquivo Histórico de Salvaterra de Magos (Câmara de Muge), Tombo de Muge, 1727-10-18
cnum 51978 MS: Álvaro da Águia, escrivão no crime, civel e notas em Muge, Instrumento testemunhável de ter feito novos traslados de certos documentos régios para o Concelho de Muge, por serem escritos os origiinais em papel e pelo temor do Concelho de os perderem ou romperem, escrito/a 1475-06-20. Salvaterra de Magos: Arquivo Histórico de Salvaterra de Magos (Câmara de Muge), Tombo de Muge, 1727-10-18
Source of Data for MSS, Editions, or Copies manid 6250 MS: Coimbra: UdC Letras (Biblioteca Central), Casa Forte. Muge: Rui Pires, escrivão na Comarca de Entre Tejo e Odiana, 1467-05-25. Rodrigo Afonso, escolar em direito canónico, Recopilação testemunhável de documentos do processo e transacção, perante D. João Eanes (bispo de Lisboa), da contenda entre o Concelho e Homens Bons de Muge e o Abade, D. João Eanes de Ornelas, e Convento do Mosteiro de Alcobaça, por não ter o dito Abade nomeado um capelão que cantasse missa na Igreja de Santa Maria da dita vila de Muge, como era obrigado o dito Abade por razão das dízimas e direitos que tinha da dita igreja, escrito/a 1390-04-21.
manid 7273 MS: Salvaterra de Magos: Arquivo Histórico de Salvaterra de Magos (Câmara de Muge), Tombo de Muge. Lisboa: Severino Martins do Vale, 1727-10-18. Rui Pires, escrivão na Comarca de Entre Tejo e Odiana, Instrumento testemunhável da autorização e justificacão do traslado, verbo a verbo num novo Tombo de Muge, dos antigos privilégios, escrituras e liberdades do Concelho e dos moradores da dita vila, escrito/a 1467-05-25.
Source of Data for Persons bioid 28783 Rui Pires, escrivão na Comarca de Entre Tejo e Odiana [1467 ca. - 1490 a qip]
bioid 34099 Severino Martins do Vale, tabelião (1719 - 1739)
Record Status Created 2020-10-12
Updated