Philobiblon (sm)(tm)

Back to Search     Back to Results


ID no. of Person BITAGAP bioid 1567
Name Fernan Garcia Esgaravunha, trovador
Fernão Garcia de Sousa(D.), Esgaravunha
Fernão Garcia Esgaravunha
Fernando Garcia Esgaraminho
Sex M
Milestones Floruit 1230 - 1251 (Oliveira)
Associated Persons filho de: Garcia Mendes de Eixo (D.) (Nascimento 1175)
Affiliation trovador
Author of texid 4838 Fernan Garcia Esgaravunha, “A melhor dona que eu nunca vi [T/LP 43,1]”, escrito/a 1231 ? - 1251 ?
texid 4941 Fernan Garcia Esgaravunha, “A que vos fui senhor dizer por mim [T/LP 43,2]”, escrito/a 1231 ? - 1251 ?
texid 5690 Fernan Garcia Esgaravunha, “Dês hoje mais já sempre eu rogarei [T/LP 43,3]”, escrito/a 1231 ? - 1251 ?
texid 4699 Fernan Garcia Esgaravunha, “Esta ama cujo é João Coelho [T/LP 43,4]” (tr. João Soares Coelho), escrito/a 1231 ? - 1251 ?
texid 5330 Fernan Garcia Esgaravunha, “Homem a que Deus bem quer fazer [T/LP 43,8]”, escrito/a 1231 ? - 1251 ?
texid 5591 Fernan Garcia Esgaravunha, “Meu Senhor Deus venho-vos rogar [T/LP 43,5]”, escrito/a 1231 ? - 1251 ?
texid 5426 Fernan Garcia Esgaravunha, “Nenhum conselho senhor não me sei [T/LP 43,7]”, escrito/a 1231 ? - 1251 ?
texid 5425 Fernan Garcia Esgaravunha, “Ninguém-mim que vistes mal doente [T/LP 43,6]”, escrito/a 1231 ? - 1251 ?
texid 5388 Fernan Garcia Esgaravunha, “Ora vejo eu o que nunca cuidava [T/LP 43,9]”, escrito/a 1231 ? - 1251 ?
texid 5307 Fernan Garcia Esgaravunha, “Punhei eu muito em me quitar [T/LP 43,10]”, escrito/a 1231 ? - 1251 ?
texid 4984 Fernan Garcia Esgaravunha, “Quando eu minha senhor conheci [T/LP 43,11]”, escrito/a 1231 ? - 1251 ?
texid 5007 Fernan Garcia Esgaravunha, “Quão muito eu amo uma mulher [T/LP 43,12]”, escrito/a 1231 ? - 1251 ?
texid 5035 Fernan Garcia Esgaravunha, “Que grave coisa senhor de endurar [A 114 : B 230 : T/LP 43,13]”, escrito/a 1231 ? - 1251 ?
texid 5075 Fernan Garcia Esgaravunha, “Quem vos foi dizer minha senhor [T/LP 43,14]”, escrito/a 1231 ? - 1251 ?
texid 4492 Fernan Garcia Esgaravunha, “Se Deus me leixe de vós bem haver [T/LP 43,15]”, escrito/a 1231 ? - 1251 ?
texid 4635 Fernan Garcia Esgaravunha, “Se vos eu amo mais que outra rem [T/LP 43,19]”, escrito/a 1231 ? - 1251 ?
texid 4552 Fernan Garcia Esgaravunha, “Senhor formosa convém-me a rogar [T/LP 43,16]”, escrito/a 1231 ? - 1251 ?
texid 4582 Fernan Garcia Esgaravunha, “Senhor formosa quanto eu confondi [T/LP 43,17]”, escrito/a 1231 ? - 1251 ?
texid 4586 Fernan Garcia Esgaravunha, “Senhor formosa que sempre servi [T/LP 43,18]”, escrito/a 1231 ? - 1251 ?
texid 4367 Fernan Garcia Esgaravunha, “Todo homem que Deus faz morar [T/LP 43,20]”, escrito/a 1231 ? - 1251 ?
References (most recent first) Bortolanza (2003), “Lições do arcaico - cantigas de Fernan Garcia, Esgaravunha”, Revista da Academia Brasileira de Filologia. Nova fase 2:70-76
Calado (1998), Crónica de Portugal de 1419 134
Brea et al. (1996), Lírica profana galego-portuguesa 1:289 , n. 43
Lanciani et al. (1993), Dicionário da Literatura Medieval Galega e Portuguesa 258-59
Oliveira (1992), “Depois do Espectáculo Trovadoresco. A estrutura dos cancioneiros peninsulares e as recolhas dos sécs. XIII e XIV”, 469
Spampinato Beretta (1987), Fernan Garcia Esgarvunha. Canzoniere
Tavani (1980-83), La poesia lirica galego-portoghese 2:1:8:20-21; 64 , n. a43; c43
Heur (1975), Recherches internes sur la lyrique amorureuse des troubadours galiciens-portugais (XIIe-XIVe siècles) 576 , n. 42
Fernández-Pereiro (1974), “Uc de Saint Circ et Dom Fernam Garcia Esgaravunha”, Actes du V Congrès International de Langue et Littérature d'Oc et d'Études franco-provençales 130-65
Cintra (1951-90), Crónica geral de Espanha de 1344. Edição crítica do texto português 4:240
Vasconcelos (1904), Cancioneiro da Ajuda. Edição crítica e comentada 2:347-50
Sarmiento (1775), Memorias para la historia de la poesía, y poetas españoles 252
Note Flourit: na corte de Afonso III.
Record Status Created 1989-08-01
Updated 2020-02-07