Philobiblon (sm)(tm)

Back to Search     Back to Results


ID no. of Person BITAGAP bioid 10685
Name Gonçalo Lourenço, criado régio
Gonçalo Lourenço de Gomide
Sex M
Title criado régio
Milestones Nascimento 1350 ca.
Óbito 1426
Associated Persons escrivão da puridade de: João I (D.), 10. Rei de Portugal [1385] (1396 ca.)
*criado: Lopo Fernandes, escrivão do Paço da Madeira [1399-08-08] (1399 ca.)
Other Associations with Works texid 24910 Gonçalo Rodrigues Camelo, Alvará de mercê a Manuel Domngues, escrivão dos Contos de Lisboa e filho de Nicolau Domingues, escrivão dos ditos Contos, dando-lhe mantimento e vestir enquanto ajudasse o seu pai no apuramento dos direitos reais na Alfândega da dita cidade, escrito/a 1410-12-11
texid 24911 João I, 10. Rei de Portugal, Carta dando Lopo Fernandes, criado de Gonçalo Lourenço (escrivão da Puridade), por escrivão do Almoxarifado do Paço da Madeira, pela guisa que o foi Gonçalo Domingues Barrufo, já finado
texid 18271 João I, 10. Rei de Portugal, Carta de doação a Gonçalo Lourenço, criado e escrivão da Puridade, de todos os bens de Afonso Eanes, morador em Setúbal, confiscados por dívidas, escrito/a 1397-04-16
texid 18975 João I, 10. Rei de Portugal, Carta de doação a Gonçalo Lourenço de uma quinta no termo de Torres Vedras, confiscada, por maldades e traições, a João Fernandes Pacheco, escrito/a 1398-04-06
texid 18976 João I, 10. Rei de Portugal, Carta de doação a Gonçalo Lourenço do couto de Guardão (em Tondela na comarca da Beira), confiscado, por maldades, a João Fernandes Pacheco, escrito/a 1398-04-06
texid 18969 João I, 10. Rei de Portugal, Carta de doação a Gonçalo Lourenço, escrivão da Puridade, de todos os bens em Sintra confiscados a João Fernandes Pacheco por maldades e traições, escrito/a 1398-05-29
texid 18915 João I, 10. Rei de Portugal, Carta de doação a Gonçalo Lourenço, seu criado e escrivão da Puridade, do lugar de Vila Verde dos Francos, confiscado ao Mosteiro de Odivelas por lhe ser leixado injustamente por Violante Vasques, freira professa, escrito/a 1396-06-07
texid 29106 João I, 10. Rei de Portugal, Estando em Santarém, 1397-06-15, quando 'o nosso adversario de Castela britou as treguas e nos cometeo de guerra': carta a Vasco Eanes, tesoureiro, e a Gonçalo Lourenço, criado régio e escrivão da Puridade, mandando pagar o soldo das suas gentes e outrossim as graças a algumas pessoas, escrito/a 1397-09-17
References (most recent first) Morato (1837), “Memória sobre os escrivães da puridade dos reis de Portugal, e do que a este officio pertense”, Memórias da Academia R. das Sciencias de Lisboa 12:1:168-69, 172-73
Record Status Created 2015-08-07
Updated 2021-08-25