Philobiblon (sm)(tm)

Back to Search     Back to Results


Work ID number BITAGAP texid 1058
Authors Gomes Eanes de Zurara, cronista-mor
Titles Crónica do Conde D. Pedro de Meneses
Crónica do Conde D. Pedro de Menezes
Incipit & Explicits prólogo: Porque a principal parte do meu encargo
texto: Foi este conde dom Pedro
Date / Place escrito/a 1459 - 1463-06-23
Text Type: Prosa
Associated Persons Sobre: Pedro de Meneses (D.), 3o Senhor Vila Real
References (most recent first) Guimarães et al. (2021), “Danação e redenção da memória do Infante D. Pedro nas Crônicas de Gomes Eanes de Zurara”, Revista de História
Boissellier (2020), “Gomes Eanes de Zurara”, Dicionário: Cem Fragmentos Biográficos. A Idade Média em Trajetórias 599
Guimarães et al. (2020), “'Como gente temerosa e desesperada em que não há virtude nem fortaleza': a atualização do topos do peão covarde nas crônicas de Fernão Lopes, Gomes de Zurara e Rui de Pina”, Revista de Estudos de Cultura 29-31
Guimarães et al. (2020), “O ganho, o proveito e o roubo: o topos da cobiça da gente miúda nas crônicas de Gomes Eanes de Zurara”, Antares. Letras e Humanidades 234 e passim
Karlan (2020), “Falling into Shame: The Cultural History of an Emotion in Pre-Modern Iberia”, 18, 107 e passim
Leandro (2020), “A iniciação dos nobres nos valores da corte (Portugal/século XV)”, 70, 123
Mesquita (2020), “O abastecimento alimentar e vinícola de Ceuta na primeira metade do século XV”, Abastecer a Cidade na Europa Medieval. Provisioning Medieval European Towns 95-97
Rosenberger (2020), “Le Portugal, le Maroc, l'Océan, une histoire connectée”, Hésperis-Tamuda
Teodoro (2020), “Prédicas em torno da conquista e manutenção de Ceuta”, Horizonte 379 e passim
Guimarães (2019), “'De qualquer outro do povo escrevera seu feito, se o achava em merecimento': Memória e esquecimento da 'gente miúda' nas crônicas de Gomes Eanes de Zurara”, passim
Luís (2019), “A regência de D. Pedro e a irreversibilidade da expansão atlântica portuguesa”, O Mar e o Futuro de Portugal (c. 1223-c. 1448). A propósito da contratação de Manuel Pessanha como Almirante por D. Dinis 167, 169
Oliveira (2019), “Charamelas e Trombetas: Em torno da música na cronística portuguesa dos finais da Idade Média”, passim
Viana (2019), “O almirantado português nos séculos XIII a XV. Contextos e linha de força”, O Mar como Futuro de Portugal (c. 1223-c. 1448). A propósito da contratação de Manuel Pessanha como Almirante por D. Dinis 77
Rosa et al. (2018-10), “La noblesse dans la frontière nord-africaine (Portugal, 1415-1515): guerre, chevalerie, croisade”, e-Spania 31
Aguiar (2018), “As crónicas de Zurara: a corte, a aristocracia e a ideologia cavaleiresca em Portugal no século XV”, Medievalista online 23
Aguiar (2018), “A 'honra' de cavalaria e a aristocracia medieval portuguesa”, Anuario de Estudios Medievales 48:2:576
Costa (2018), “D. Duarte de Meneses (1414-1464): o sangue e as armas no final da Idade Média”, e-Stratégica 28 e passim
França (2018), “Investidas moralizantes na história da expansão portuguesa”, A escrita da história de um lado a outro do Atlântico 171 e passim
França (2018), “Palavras capitais na história dos reis, dos infantes e dos navegadores”, Topoi. Revista de História 19:39
Schiavinato (2018), “Historiografia e legitimação de poder em Portugal e Castela (séculos XIV-XV)”, História Revista 23:1:151 e passim
Ventura (2018), “O elogio do contraditório. Reflexões sobre a cronística de Zurara”, A escrita da história de um lado a outro do Atlântico 164-65
Coelho (2017), “As Feridas da Guerra no Portugal Medievo. Violência, sofrimento e cuidados médicos no campo de batalha”, 3, 48 e passim
Martins (2017), “Representações do Escravo Africano na Cronística Portuguesa do Séc. XV e XVI”, Encontros da Primavera Omni Tempore 2014-2015 236, 241
Rodrigues (2017), “The Portuguese Art of War in Northern Morocco during the 15th Century”, Athens Journal of History 3:4:324-27, 332
Santos (2017), “A Nobreza e a Expansão no Norte de África (o caso de Ceuta)”, Omni Tempore. Encontros da Primavera 2014-2015
Rodrigues (2017), “A coabitação das armas de propulsão neurobalística e das armas de fogo na primeira fase do processo expansionista português em Marrocos (1415-1458)”, e-Stratégica 49-50, 54-56, 58-60
Avelar (2016), “Ceuta como tópico narrativo no discurso historiográfico da expansão portuguesa”, Ceuta e a Expansão Portuguesa. Actas XIV Simpósio de História Marítima, 10 a 12 de Novembro de 2015 513 e passim
Barata (2016), “O corso e a pirataria a partir de Ceuta: instrumento político e negócio popular”, Ceuta e a Expansão Portuguesa. Actas XIV Simpósio de História Marítima,10 a 12 de Novembro de 2015 331, 336
Campos (2016), “Guerra e corso em Ceuta durante a capitania de D. Pedro de Meneses (1415-1437)”, Ceuta e a Expansão Portuguesa. Actas XIV Simpósio de História Marítima,10 a 12 de Novembro de 2015 passim
Coelho (2016), “Ceuta: um marco no processo legitimador da Dinastia de Avis”, Ceuta e a Expansão Portuguesa. Actas XIV Simpósio de História Marítima,10 a 12 de Novembro de 2015 30
Fonseca (2016), “A empresa de Ceuta - dos antecedentes às circunstâncias que ditaram as causas próximas”, Ceuta e a Expansão Portuguesa. Actas XIV Simpósio de História Marítima,10 a 12 de Novembro de 2015 64, 67-68
Larcher (2016), “Em torno da Ordem de Cristo e da conquista de Ceuta”, Ceuta e a Expansão Portuguesa. Actas XIV Simpósio de História Marítima, 10 a 12 de Novembro de 2015 459-60
Luís (2016), “Da defesa do reino à construção do império: o mito de Ourique e a ideologia da expansão portuguesa (séculos XV-XVI)”, Cultura em Movimento. Livro de Atas do I Congresso Internacional sobre Cultura 136
Matos (2016), “Ceuta e o Estreito: vantagens tácticos e estratégia naval, no século XV”, Ceuta e a Expansão Portuguesa. Actas XIV Simpósio de História Marítima,10 a 12 de Novembro de 2015 284-87
Mesquita (2016), “O Abastecimento Alimentar de Ceuta, 1415 – 1458”, Incipit 5. Workshop de Estudos Medievais da Universidade do Porto, 2016 passim
Ramos (2016), “Cristãos e Mulçulmanos no Magrebe Ocidental: A Definição de uma Fronteira Zonal (1414/818-1521/927)”, Incipit 5. Workshop de Estudos Medievais da Universidade do Porto -
Rema (2016), “A missionação franciscana em Ceuta e na Mauritânia”, Ceuta e a Expansão Portuguesa. Actas XIV Simpósio de História Marítima,10 a 12 de Novembro de 2015 373
Santos (2016), “Ceuta base-escola do corso ultramarino português”, Ceuta e a Expansão Portuguesa. Actas XIV Simpósio de História Marítima,10 a 12 de Novembro de 2015 203 e passim
Humble Ferreira (2015), The Crown, the Court and the Casa da Índia. Political Centralization in Portugal 1479-1521 23
Cosme (2015), “A tomada de Ceuta em 1415: um acto de marketing político”, A conquista de Ceuta: Conselho Régio de Torres Vedras 109
Pinto (2015), “De Olhar atento e Ouvidos à escuta… A espionagem militar na cronística portuguesa de Quatrocentos: Fernão Lopes e Gomes Eanes de Zurara”, passim
Beceiro Pita (2014), “La visión de la realeza: Juan II de Castilla y los Avís contemporáneos”, D. Duarte e a sua época: Arte, cultura, poder e espriritualidade 98
Lombardo (2014), “Crônicas históricas sobre os portugueses no Magrebe (séc. XV e XVI): Fontes para um estudo lexical do português médio”, Anais da ALFAL 2014. XVII Congresso Internacional da Associação de Linguística e Filologia da América Latina (ALFAL)
Moreira (2014), “Enquadramento da Produção Literária [Capítulo 21]”, Entre Portugal e a Galiza (Sécs. XI a XVII). Um olhar peninsular sobre uma região histórica 410
Lourenço (2013), “Imagem e legitimação nas cerimônias régias da Baixa Idade Média portuguesa”,
Teodoro (2012), A escrita do passado entre monges e leigos. Portugal - séculos XIV e XV 68, 105
Michelan (2011-07), A África muçulmana e a África negra no imaginário português do século XV e início do XVI
Godinho (2011), Documentos sobre a expansão quatrocentista portuguesa 1:62 e passim [excertos modernizados e comentário]
G\omez Barceló (2011), “Tarifa en las crónicas lusas referidas a la costa africana del Estrecho”, Al Qantir
Orta (2011), “‘Nõ soomente tinha elle homra pello padre, mas per sy mesmo': genealogia política, serviço e escrita cronistica em Portugal (1430-1460)”, História da Historiografia 7:225-44
Orta (2011), “Para a Glória dos Nobres: Relações de poder no noroeste africano e a produção cronística de Gomes Eanes de Zurara”, Anais do VIII Encontro Internacional de Estudos Medievais 1:251-59
Orta (2010), “‘Tamtas cousas notaveis pera escrever': relações de poder e perfis ideais na Crónica do conde D. Pedro de Meneses de Gomes Eanes de Zurara (1385-1460)”,
Barbosa (2010), “A imagem do cavaleiro ideal em Avis à época de D. Duarte e D. Afonso V (1433-1481)”,
Nascimento (2010), “Mouros e cristãos nas crônicas de Gomes Eanes de Zurara (século XV)”, Anais do V Simpósio Nacional de História Cutural: Brasília 50 anos. Ler e Ver: Paisagens Subetivas e Paisagens Sociais 1-11
Rosa (2009), “Por detrás de Santiago e além das feridas bélicas. Mitologias perdidas da função guerreira”, A Guerra e a Sociedade na Idade Média. Actas das VI Jornadas Luso-Espanholas de Estudos Medievais 2
Sousa (2009), A Morte de D. João I: um tema de propaganda dinástica 41, 49
Orta et al. (2008), “Homens de pena sob a espada: dois casos no contexto ibérico e norte-africano (séculos XIV e XV)”, Revista Vernáculo 21-22:107-16
Dionísio (2007-12-07), Iberia in a Multi-Speed Europe: The Rex Literatus Model and a New Literary Canon in the Fifteenth Century
Meleiro (2007), “Minimizadores nas crónicas de Fernão Lopes e Zurara”, XXII Encontro da Associação Portuguesa de Lintuística: Textos seleccionados 465-81
Campos (2006), “D. Pedro de Meneses, Ceuta e a Casa de Vila Real: a construção de um poder nobiliárquico específico”, La Península Ibérica entre el Mediterráneo y el Atlántico. Siglos XIII-XV 557-78
Cruz (2006), “A Guerra naval no Mediterrâneo Atlântico (1415-1437): relatos do corso português no texto literário de Gomes Eanes de Zurara”, Estudos em homenagem ao Professor Doutro José Marques 1:35-58
Duarte (2006), “O Dia Seguinte (A vida em Ceuta sob o domínio português)”, La Península Ibérica entre el Mediterráneo y el Atlántico. Siglos XIII-XV passim
Fonseca (2006), “O corso e a guerra naval portuguesa entre o Mediterrâneo e o Atlântico no século XV. O testemunho de Zurara”, La Península Ibérica entre el Mediterráneo y el Atlántico. Siglos XIII-XV passim
Melo (1997), Imagens da Arte: Contributos para a historiografia da Arte em Portugal no século XV 41-42, 85, 106-07, 124
Unali (1994), “Considerazioni sulla pirateria e sulla corsa musulmana e cristiana all'epoca della conquista portoghese di Ceuta (1415)”, Anuario de Estudios Medievales 24:559 e passim
Repertorium fontium historiae Medii Aevi, primum ab Augusto Potthast digestum, nunc cura collegii historicorum e pluribus nationibus emendatum et auctum (1967-2007) 11:4:547
Sousa (1721-07-17-1724-10-13), Memórias dos livros manuscritos da livraria dos Marquêses de Gouveia e Mordomos-mores 251r, 283v , n. [f. 283v: n.6]
Brocardo (2006), “Haver e ter em português medieval. Dados de textos dos séculos XIV e XV”, Revue de Linguistique Romane 70:95-112
Gomes (2005), “Zurara and the empire: Reconsidering fifteenth-century Portuguese historiography”, Storia della Storiografia - Histoire de l'historiographie - History of Historiography 47:56-89
Unali (2002), “Le détroit de Gibraltar après la conquête portugaise de Ceuta (1415) dans la Crônica do Conde Dom Pedro de Menezes de Gomes Eanes de Zurara”, La Méditerranée médiévale […] 209-19
Casaca (2000), “O olhar do outro na Crónica do Conde D. Pedro de Meneses”,
Mendonça (2000), “Lisboa nas crónicas do século XV”, Clio. Nova Série 5:147-65
Caetano et al. (1999), “O prefixo des- num texto português do século XV: contribuição para um estudo de morfologia derivacioal diacrónica”, Actas do XIV Encontro Nacional […] 1:207-20
Brocardo (1998), “As variantes como objecto de estudos linguísticos diacrónicos”, Atti del XXI Congresso Internazionale di Linguistica e Filologia Romanza 6:47-57
Mendes (1997), “As relações Mouros / Cristãos nas Crónicas marroquinas de Gomes Eanes de Zurara”, Eborensia 19/20:171-80
Zurara et al. (1997), Crónica do Conde D. Pedro de Meneses
Braga (1997), “As relaçoes mouros/cristãos nas crónicas marroquinas de Gomes Eanes de Zurara”, Eborensia 19/20:171-80
Brocardo (1997), “Transmissão textual e variação nas Crónicas norte-africanas de Zurara”, Actas do XII Encontro Nacional da Associação Portuguesa de Linguística 2:39-54
Brocardo (1995), “Editar uma Crónica de Zurara”, Cahiers de Linguistique Hispanique Médiévale
Cepeda (1995), Bibliografia da Prosa Medieval em Língua Portuguesa 240-42
Brocardo (1993), “Os manuscritos da Crónica do Conde D. Pedro de Meneses de Gomes Eanes de Zurara”, Actes du XXe Congrès International de Linguistique et Philologie Romanes
Loureiro et al. (1993), “Visão do mouro nas Crónicas de Zurara”, Caderno Histórico IV. Actas do Seminário "Os Descobrimentos Portugueses e o Algarve d'Aquém e d'Além-Mar" 60-83
Xavier et al. (1993), Corpus Informatizado do Galego-Português Medieval
Brocardo (1992), “Algumas notas sobre a transmissão manuscrita da Crónica de D. Pedro de Meneses de Gomes Eanes de Zurara”, Actas do VII Encontro da Associação Portuguesa de Linguística
Loureiro (1991), “A visão do mouro nas crónicas de Zurara”, Mare Liberum
Brocardo (1990), “As edições das crónicas de Gomes Eanes de Zurara”, Actas do Vo Encontro da Associação Portuguesa de Linguística 33-36
Lázaro (1990), “Gomes Eanes de Zurara. Crónica do Conde D. Pedro de Meneses continuada à Tomada de Ceuta”,
Zurara et al. (1915), Crónica da Tomada de Ceuta por el Rei D. João I xlix-l
Pereira (1915), “O livro Pastor de Hermas citado por Gomes Eannes de Zurara”, Boletim da Segunda Classe 9:351-55
Canto (1879), “Notas bibliográficas”, Boletim de Bibliografia Portuguesa
Antonio et al. (1788), Bibliotheca Hispana Vetus 2:312
Orta (2010-2011), “‘Assy como elles amtes fazia nas partes da Europa'. A referencia ibérica na cronística de Gomes Eanes de Zurara ( séc. XV)”, Fundación . Actas de las Séptimas Jornadas Internacionales de Historia de España 10:83-90
Silva (2015), “Chronicle-Composition in Medieval Portugal. A General Outline”, Mirator 15:43
Subject Crónicas - Histórias Medievais
Crónicas - Cronista - Gomes Eanes de Zurara
Fundo Geral
Number of Witnesses 15
ID no. of Witness 1 cnum 21593
City, library, collection & call number Desconhecido: Não localizado, (BITAGAP manid 3773)
Title(s) Gomes Eanes de Zurara, cronista-mor, Crónica do Conde D. Pedro de Meneses, escrito/a 1459 - 1463-06-23
Note Texto imcompleto
ID no. of Witness 2 cnum 28453
City, library, collection & call number Madrid: Biblioteca Nacional de España, MSS/18412 (BITAGAP manid 5544)
Location in witness ff. 1r-275r
Title(s) Gomes Eanes de Zurara, cronista-mor, Crónica do Conde D. Pedro de Meneses, escrito/a 1459 - 1463-06-23 [ementa]
Incipit & Explicits prólogo: [ 2r] Porque a principal parte de meu emcarego he dar comta & rezão das cousas que passão
Note No f. 275r "…pello trabalho que tomej em aiuntar e escreuer esta historia […]. E foi acabado de aiunta neste uolume uespora de São João Bautista xxiij de Junho na minha comenda do Pinhejro grande que he a par de samtarem quando amdaua o ano do nacimento de xpo de 1463 a deus seijão dadas muitas graças. Amen Amen Amen."

ID no. of Witness 3 cnum 1307
City, library, collection & call number Coimbra: Biblioteca Geral da Universidade, Ms. 439 (BITAGAP manid 1269)
Copied 1501 - 1550
Location in witness pp. 1-641
Title(s) Gomes Eanes de Zurara, cronista-mor, Crónica do Conde D. Pedro de Meneses, escrito/a 1459 - 1463-06-23
Incipit & Explicits texto: [ 1] Porque a principall parte do meu encarreguo … [ 641] … dadas muitas graças. Amen.
References Brocardo (1994), “Crónica do Conde D. Pedro de Meneses de Gomes Eanes de Zurara. Edição e Estudo”,
Zurara et al. (1988), Crónica do Conde Dom Pedro de Menezes
Zurara (1792), “Chronica do Conde Dom Pedro de Menezes”, Collecção de livros ineditos de historia portugueza 2:213-626
ID no. of Witness 4 cnum 10855
City, library, collection & call number Lisboa: Sociedade de Geografia (Biblioteca), Res. 146. B. 7 (BITAGAP manid 1881)
Copied 1501 - 1600
Location in witness ff. 1r-214v
Title(s) Gomes Eanes de Zurara, cronista-mor, Crónica do Conde D. Pedro de Meneses, escrito/a 1459 - 1463-06-23
Incipit & Explicits texto: [ 1r] Porque a principal parte do meu encarrego … [ 214v] … com acreçentamento de seu Real estado amen. deo graçias.
ID no. of Witness 5 cnum 1309
City, library, collection & call number Muge: Casa Cadaval, M-X-25 (BITAGAP manid 1271)
Copied Gaspar Álvares de Lousada Machado, 1601 - 1634
Location in witness ff. 1r-56r
Title(s) Gomes Eanes de Zurara, cronista-mor, Crónica do Conde D. Pedro de Meneses, escrito/a 1459 - 1463-06-23
Incipit & Explicits prólogo: [ 1r] Porque a principal parte
Condition Incompleto ao fim
ID no. of Witness 6 cnum 18733
City, library, collection & call number Ceuta: Biblioteca Municipal, (BITAGAP manid 3248)
Copied 1601 - 1700
Location in witness ff. I:2r-II:68r
Title(s) Gomes Eanes de Zurara, cronista-mor, Crónica do Conde D. Pedro de Meneses, escrito/a 1459 - 1463-06-23
ID no. of Witness 7 cnum 1306
City, library, collection & call number Madrid: Biblioteca Nacional de España, MSS/2428 (BITAGAP manid 1268)
Copied 1601 - 1700
Location in witness ff. 1r-256v
Title(s) Gomes Eanes de Zurara, cronista-mor, Crónica do Conde D. Pedro de Meneses, escrito/a 1459 - 1463-06-23
Incipit & Explicits prólogo: [ 1r] Por que a principal parte
ID no. of Witness 8 cnum 26551
City, library, collection & call number Porto: Biblioteca Pública Municipal, Ms. 1947 (BITAGAP manid 4611)
Copied 1601 - 1700 ?
Location in witness ff. 1r-204r
Title(s) Gomes Eanes de Zurara, cronista-mor, Crónica do Conde D. Pedro de Meneses, escrito/a 1459 - 1463-06-23
Chronica dos feitos do Conde D. Pedro de Menezes primeiro capitão q̃ foi na cidade de cepta, [f. s.n.]
Incipit & Explicits prólogo: [ 1r] porque a prinicpal p.te do meu encargo
texto: … [ 204r] … o anno doo nascimto de Christo de 1463.
ID no. of Witness 9 cnum 11108
City, library, collection & call number Lisboa: Biblioteca do Palácio da Ajuda, 51-IX-26 (BITAGAP manid 1574)
Copied 1651 - 1748
Location in witness ff. 1r-130r
Title(s) Gomes Eanes de Zurara, cronista-mor, Crónica do Conde D. Pedro de Meneses, escrito/a 1459 - 1463-06-23
Incipit & Explicits prefácio: [ 1r] Porq̃ a principal parte domeu encargo
texto: [ 3r] Foi este Conde dom Pedro … [ 130r] … quando andaua o anno Do nacimento de 1463.
ID no. of Witness 10 cnum 1823
City, library, collection & call number Lisboa: Biblioteca Nacional de Portugal, COD. 12982 (BITAGAP manid 1488)
Copied 1670 ca.
Location in witness ff. 1r-164r
Title(s) Gomes Eanes de Zurara, cronista-mor, Crónica do Conde D. Pedro de Meneses, escrito/a 1459 - 1463-06-23
Incipit & Explicits prólogo: [ 1r] Porque a prinçipal parte do meu encargo
texto: [ 3r] Foi este Conde Dom Pedro … [ 164r] … quando andaua o Anno do naçimento de mil quatroçentos sessenta e tres.
ID no. of Witness 11 cnum 11109
City, library, collection & call number Lisboa: Biblioteca do Palácio da Ajuda, 51-IX-27 (BITAGAP manid 1913)
Copied 1676 - 1700
Location in witness ff. 1r-244r
Title(s) Gomes Eanes de Zurara, cronista-mor, Crónica do Conde D. Pedro de Meneses, escrito/a 1459 - 1463-06-23
Incipit & Explicits prólogo: [ 1r] Por que a prinçipal parte do meu encareguo
texto: [ 4r] Foy este Conde Dom Pedro … [ 244r] … quando andaua o Anno de nasimento de xpt[ em .1463. A Deos sejaõ dadas muytas graças. Amen.
ID no. of Witness 12 cnum 1310
City, library, collection & call number Lisboa: Biblioteca Nacional de Portugal, COD. 844 (BITAGAP manid 1272)
Copied 1676 - 1700
Location in witness ff. 1r-257r
Title(s) Gomes Eanes de Zurara, cronista-mor, Crónica do Conde D. Pedro de Meneses, escrito/a 1459 - 1463-06-23
Incipit & Explicits prólogo: [ 8r] PORQVE A PRINCIPAL PARTE do meu emcarreguo
texto: [ 11r] FOY ESTE COMDE DOM PEDRO
ID no. of Witness 13 cnum 1308
City, library, collection & call number Muge: Casa Cadaval, M-VIII-18 (BITAGAP manid 1270)
Copied 1680 - 1725
Location in witness ff. 1r-220r
Title(s) Gomes Eanes de Zurara, cronista-mor, Crónica do Conde D. Pedro de Meneses, escrito/a 1459 - 1463-06-23
Incipit & Explicits prólogo: [ 1r] Porque a principal parte do meu Cargo … [ 220r] … onde Andava o anno de nascimto de mil coatrocentos cesãta e tres.
ID no. of Witness 14 cnum 18734
City, library, collection & call number Lisboa: Farinha, António Dias, (BITAGAP manid 3249)
Copied 1700 ca.
Title(s) Gomes Eanes de Zurara, cronista-mor, Crónica do Conde D. Pedro de Meneses, escrito/a 1459 - 1463-06-23
ID no. of Witness 15 cnum 1311
City, library, collection & call number Lisboa: Academia das Ciências de Lisboa, Vermelho 370 (BITAGAP manid 1273)
Copied 1734-12-06
Location in witness ff. 1r-182v
Title(s) Gomes Eanes de Zurara, cronista-mor, Crónica do Conde D. Pedro de Meneses, escrito/a 1459 - 1463-06-23
Incipit & Explicits prólogo: [ 2r] Porq̃ a principal parte do meu encargo … [ 177r] … quando andava o anno do nascim.to de xp̃ em 1463.
texto: [ 5r] Foy este Conde D. Pedro
Record Status Created 1988-07-22
Updated 2021-04-27