Philobiblon (sm)(tm)

Back to Search     Back to Results


Work ID number BITAGAP texid 1055
Authors Benedictus
Titles Regula Sancti Benedicti
Regra de São Bento
Incipit & Explicits prólogo: Filho, escuta os preceitos
preâmbulo: Pois levantemo-nos irmãos
texto: Coisa certa e manifesta é que quatro s̃ao as gerações
Date / Place escrito/a 547 antes de
traduzido/a 1380 ? - 1385 ?
traduzido/a 1415 ?
Language Português
Latim (orig.)
Text Type: Prosa
Associated Persons Tradutor(a): Martinho de Aljubarrota (Fr.), OCist ?
References (most recent first) Castro (2015), “The Manuscript Tradition of the Regula Bendicti in Portuguese”, Portuguese Studies. In Medieval Mode: Collected Essays in Honour of Stephen Parkinson on his Retirement 31:195-208
Cardeira et al. (2015), 2. Portugais: texts 51-52
Silva (2014), “O regimento do corpo em Portugal no século XV”, 24, 141-43
Serafim (2013), “A tradição manuscrita portuguesa da Regula Benedicti: perspetivando o seu enquadramento na família europeia”, Dedalus 539-46
Dias (2011), Quando os Monges eram uma Civilização…Beneditinos: Espíritu, Alma e o Corpo 58-62
Dias (1998), “A Regvla como género literário específico da literatura monástica”, Humanitas 50:1:311-36
Espírito Santo (1998), “João Cassiano e a Regra de S. Bento”, Humanitas 50:1:299-310
Sena (1980), Appunti sulla regola di S. Benedetto
Calado (1966), “Frei João Alvares. Estudo textual e literário-cultural”, Boletim da Biblioteca da Universidade de Coimbra passim
Almeida (2005), “Um modelo de formação monástica oriental: em torno do ideal de pobreza na Escada… de Clímaco, e em S. Agostinho, S. Bento e S. Francisco”, Modelo. Actas do V Colóquio da Secção Portuguesa da Associação Hispânica de Literatura Medieval 45-55
Guincho (2004), “História literária e traduções: novos passos de um projecto. Ler, escrever, reescrever: o lugar das traduções medievais na historiografia literaria”, Actas do IV Congresso Internacional da Associação Portuguesa de Literatura Comparada
Hörster et al. (2003-06), “A tradução para português na história da língua e da cultura. Elementos para uma síntese”, Revista Portuguesa de Filologia 25:681
Dias (2002), “A Regra de S. Bento, norma de vida monástica: sua problemática moderna e edições em português, ‘Rectissima norma vitae,' RB. 73. 13”, Revista da Faculdade de Letras. História. Terceira Série 3:9-48
Cepeda (1995), Bibliografia da Prosa Medieval em Língua Portuguesa 49-50
Linage Conde (1981), “La 'Regula Benedicti' y el 'Diálogo Segundo' de San Gregorio, obras literarias”, Monastica: Scritti raccolti in memoria del XV centenario della nascita di S. Benedetto (480-1980)
Miquel (1980), “La lumière divine dans la Règle de saint Benoît et dans sa Vie par saint Grégoire le Grand”, Irenikon
Mattoso (1976), “A introdução da Regra de S. Bento na península ibérica”, Bracara Augusta
Mattoso (1975), “L'introduction de la règle de S. Benoit dans la Peninsule Ibérique”, Revue d'Histoire Ecclésiastique 70:731-42
Calati (1973), “L'expérience de Dieu dans la règle de saint Benoît, avec quelques remarques sur l'hagiographie des Dialogues de saint Grégoire”, L'expérience de Dieu dan la vie monastique
Camargo (1973), “A formação da Prosa Portuguesa: a Prosa de Tradução: Regra de São Bento (séc. XIV)”,
Mattoso (1968), Le Monachisme ibérique et Cluny
Nunes (1919), “Evolução da lingua portuguesa representada em tres lições da mesma versão da Regra de S. Bento”, Revista de História
Castro (2010 -), Oficina de Edições: Regra de São Bento
Subject Ordens Religiosas - Regras - Constituições - Estatutos - Privilégios
Fundo Geral
Administração Eclesiástica
Number of Witnesses 14
ID no. of Witness 1 cnum 38434
City, library, collection & call number Desconhecido: Não localizado, (BITAGAP manid 6679)
Location in witness 129r-178r
Title(s) Benedictus, Regra de São Bento (tr. Martinho de Aljubarrota), traduzido/a 1380 ? - 1385 ?
Começa se ho p̃logo da regla de sam bento abbade, 129r
Incipit & Explicits prólogo: [ 129r] FJlho escuyta os p̃ceptos ⁊ mandamentos do meestre
ID no. of Witness 2 cnum 1168
City, library, collection & call number Lisboa: Biblioteca Nacional de Portugal, ALC. 14 (BITAGAP manid 1127)
Copied 1350 ca.
Location in witness ff. 1v-18v
Title(s) Benedictus, Regra de São Bento (tr. Martinho de Aljubarrota), traduzido/a 1380 ? - 1385 ? Incompleto
Incipit & Explicits texto: [ 1v] […] nada e deitou a xp̃o. Os q̃es tem̃tes nr̃o señ … [ 17v] … da docᵵna e das ũtudes ᵭs aiudãte p̃uerras […].
References Neto (1959-60), “Regra de São Bento. Edição crítica da mais antiga versão portuguêsa acompanhada de breves notas filológicas”, Revista Brasileira de Filologia
Nunes (1926), “Evolução da língua portuguesa (Fragmentos da mais antiga versão conhecida)”, Boletim da Classe de Letras 16:588-637
Nunes (1922), “Evolução da língua portuguesa (Fragmentos da mais antiga versão conhecida)”, Boletim da Classe de Letras 15:928-72
São Boaventura (1829), Collecção de inéditos portuguezes dos séculos XIV e XV 1:243-91
ID no. of Witness 3 cnum 22740
City, library, collection & call number Desconhecido: Não localizado, (BITAGAP manid 4033)
Copied 1400 ?
Location in witness ff. 1r-
Title(s) Benedictus, Regra de São Bento (tr. Martinho de Aljubarrota), traduzido/a 1380 ? - 1385 ?
Incipit & Explicits prólogo: [ 1r [?]] Fillos ascoitade e oyade os mandados e os encomendamentos de nosso meestre
References Dias (2002), “A Regra de S. Bento, norma de vida monástica: sua problemática moderna e edições em português, ‘Rectissima norma vitae,' RB. 73. 13”, Revista da Faculdade de Letras. História. Terceira Série 3:38 , n. 3
Cathalogo dos Manuscriptos que se conservao nos armarios da Livraria do Mostejro de Sam Bento da Saúde neste anno de 1795 (1795) 72v , n. 2
Note 1) "Acaba [o texto] no meio do Cap. 72."
ID no. of Witness 4 cnum 1062
City, library, collection & call number Lisboa: Biblioteca Nacional de Portugal, ALC. 231 (BITAGAP manid 1122)
Copied Alcobaça: Martinho de Aljubarrota, 1414 ca. - 1427
Location in witness ff. 138r-170v
Title(s) Benedictus, Regra de São Bento (tr. Martinho de Aljubarrota), traduzido/a 1380 ? - 1385 ?
Regla de san béénto abbade
Incipit & Explicits prólogo: [ 138r] Filho ascuyta os preceptos
preâmbulo: [ 138r] Poys leuantemonos irmááos
texto: … [ 170v] … as quães acima dissemos.
References Costa (2007), A Regra de S. Bento em Português. Estudo e edição de dois manuscritos
Marques (1935-37), “Estudos de paleografia portuguesa”, Arquivo Histórico de Portugal 2:359-62 , n. 4
Nunes (1932), Florilégio da Literatura Portuguesa Arcaica 96-97
Nunes (1922), “Evolução da língua portuguesa exemplificada em duas lições principalmente da mesma versão da Regra de S. Bento e ainda nos fragmentos da mais antiga que se conhece”, Boletim da Classe de Letras 14:222-313
Nunes (1922), “Evolução da língua portuguesa exemplificada em duas lições principalmente da mesma versão da Regra de S. Bento e ainda nos fragmentos da mais antiga que se conhece”, Boletim da Classe de Letras 15:224-262
Burnam (1912-25), Palaeographia Iberica. Fac-Similés de manuscrits espagnols et portugais (IXe-XVe siècles) avec notices et transcriptions 1:13-15, Pl. IV , n. 4
Burnam (1911), An Old Portuguese Version of the Rule of Benedict. Palaeographical edition from the Alcobaça MS No. 300 (agora 231) in the Bibliotheca Publica of Lisbon 11-78
Castro (2010 -), Oficina de Edições: Regra de São Bento
Subject Recursos electrónicos - Internet
ID no. of Witness 5 cnum 22741
City, library, collection & call number Desconhecido: Não localizado, (BITAGAP manid 4034)
Copied 1449 ? - 1500 ?
Title(s) Benedictus, Regra de São Bento (tr. Martinho de Aljubarrota), traduzido/a 1380 ? - 1385 ?
References Dias (2002), “A Regra de S. Bento, norma de vida monástica: sua problemática moderna e edições em português, ‘Rectissima norma vitae,' RB. 73. 13”, Revista da Faculdade de Letras. História. Terceira Série 3:38 , n. 4
ID no. of Witness 6 cnum 1065
City, library, collection & call number Lisboa: Biblioteca Nacional de Portugal, ALC. 73 (BITAGAP manid 1124)
Copied 1450 ca. (Anselmo)
1461 - 1475 (Burnam)
Location in witness ff. 1r-78v
Title(s) Benedictus, Regra de São Bento (tr. Martinho de Aljubarrota), traduzido/a 1380 ? - 1385 ?
Regla de san beento abbade
Incipit & Explicits prólogo: [ 1r] Filho ascuyta os preceptos et mandamentos
preâmbulo: [ 1v] Levatemonos ergo Jrmaaos
texto: … [ 78r-v] … da doutrina e ensinança q̃ acima dissemos | e aalteza e p̃feyçom das ũtudes.
References Burnam (1912-25), Palaeographia Iberica. Fac-Similés de manuscrits espagnols et portugais (IXe-XVe siècles) avec notices et transcriptions 3:201-03, Pl LIV , n. 54(B)
Castro (2010 -), Oficina de Edições: Regra de São Bento
Subject Recursos electrónicos - Internet
ID no. of Witness 7 cnum 1064
City, library, collection & call number Lisboa: Biblioteca Nacional de Portugal, ALC. 44 (BITAGAP manid 1126)
Copied 1450 ca. (Anselmo)
1430 ca. (Burnam)
1430 - 1450 (Toledo Neto (2010))
Location in witness ff. 12v-117r
Title(s) Benedictus, Regra de São Bento (tr. Martinho de Aljubarrota), traduzido/a 1380 ? - 1385 ?
Regla de ssam beento abbade
Incipit & Explicits prólogo: [ 12v] Filho ascuyta os preçeptos
texto: [ 15r] Pois q̃ ds̃ polla sua piedade nos demostra ho caminho … [ 117r] … e ṽtudes q̃ dessuso dissemos.
References Marques (1935-37), “Estudos de paleografia portuguesa”, Arquivo Histórico de Portugal 2:419-21 , n. 19
Nunes (1918), “Textos antigos portugueses VII: Regra de S. Bento”, Revista Lusitana 21:91-145
Burnam (1912-25), Palaeographia Iberica. Fac-Similés de manuscrits espagnols et portugais (IXe-XVe siècles) avec notices et transcriptions 1:73-75, Pl XIX , n. 19
Castro (2010 -), Oficina de Edições: Regra de São Bento
Subject Recursos electrónicos - Internet
ID no. of Witness 8 cnum 10719
City, library, collection & call number Braga: Arquivo Distrital, Coleção dos Manuscritos. MS.132 (BITAGAP manid 1556)
Copied 1451 - 1500
Location in witness ff. (A)xxj - xcij
Title(s) Benedictus, Regra de São Bento (tr. Martinho de Aljubarrota), traduzido/a 1380 ? - 1385 ?
Incipit & Explicits texto: [ xxj r] […] cousas & das boas. La ao meestre […] & ao discipulo ouvir & calar … [ lxxxvij v] … & estonçe depois vijnras cõ o ajudoyro ds̃ aas moores cousas da doutrina & ensinãca & aas moores altezas das ṽtudes aas q̃aes açima dissemos.
Condition Texto acéfalo
References Dias (2002), “A Regra de S. Bento, norma de vida monástica: sua problemática moderna e edições em português, ‘Rectissima norma vitae,' RB. 73. 13”, Revista da Faculdade de Letras. História. Terceira Série 3:38
Note Dias, no artigo de 2002, descreve o MS, mas diz que está na BPMP, com cota 120: engano.
ID no. of Witness 9 cnum 8923
City, library, collection & call number Lisboa: Biblioteca Nacional de Portugal, IL. 70 (BITAGAP manid 1729)
Copied Francisco, 1495 - 1515
Location in witness ff. 1r-46v
Title(s) Benedictus, Regra de São Bento (tr. Martinho de Aljubarrota), traduzido/a 1380 ? - 1385 ?
Regra do bemauenturado padre sam beento abbade
Incipit & Explicits prólogo: [ 1r] Em nome da Sancta trindade. Fjlho ascuyta os preçeptos
texto: … [ 46v] … e virtudes que de suso dissemos.
References Castro (2010 -), Oficina de Edições: Regra de São Bento
Subject Recursos electrónicos - Internet
ID no. of Witness 10 cnum 1470
City, library, collection & call number Lisboa: Biblioteca Nacional de Portugal, ALC. 223 (BITAGAP manid 1128)
Copied Alcobaça: 1501 - 1550
Location in witness ff. 1r-47v
Title(s) Benedictus, Regra de São Bento (tr. Martinho de Aljubarrota), traduzido/a 1380 ? - 1385 ?
Regla de são bento Abbade
Incipit & Explicits prólogo: [ 1r] Filho escuita os preceptos e mãdamtos do mestre
preâmbulo: [ 1r] Levãtemonos erguo Jrmanos sse quer ẽ Algũ tp̃o do sono
texto: … [ 47r] … q̃ açima dissemos e A alteza e perfeição das virtudes.
References Macedo (2003), “Disciplina do silêncio e comunicação gestual: os signa loquendi de Alcobaça”, Signum. Revista da ABREM 5:88-107
ID no. of Witness 11 cnum 2073
City, library, collection & call number Lisboa: Arquivo Nacional da Torre do Tombo, Lorvão (Mosteiro de Santa Maria de), Livro 32 [Casa Forte] (BITAGAP manid 1583)
Copied Guilherme da Paixão, João da Cruz, 1501 - 1600
1565 (Digitarq)
Location in witness ff. 1r-124v
Title(s) Benedictus, Regra de São Bento (tr. Martinho de Aljubarrota), traduzido/a 1380 ? - 1385 ?
Incipit & Explicits prólogo: [ 1r] Fylho escuita os preçeptos
texto: … [ 124v] … as quais açima dyssemos.
References Costa (2007), A Regra de S. Bento em Português. Estudo e edição de dois manuscritos
Nunes (1922), “Evolução da língua portuguesa exemplificada em duas lições principalmente da mesma versão da Regra de S. Bento e ainda nos fragmentos da mais antiga que se conhece”, Boletim da Classe de Letras 14:222-313
Nunes (1922), “Evolução da língua portuguesa exemplificada em duas lições principalmente da mesma versão da Regra de S. Bento e ainda nos fragmentos da mais antiga que se conhece”, Boletim da Classe de Letras 15:224-62
Castro (2010 -), Oficina de Edições: Regra de São Bento
Subject Recursos electrónicos - Internet
ID no. of Witness 12 cnum 22616
City, library, collection & call number Lisboa: Arquivo Nacional da Torre do Tombo, Semide (Mosteiro de Santa Maria de), Liv. 3 (BITAGAP manid 4025)
Copied para Catarina Henriques, 1535
Location in witness ff. 1r-96r
Title(s) Benedictus, Regra de São Bento (tr. Martinho de Aljubarrota), traduzido/a 1380 ? - 1385 ?
Incipit & Explicits prólogo: [ 1r] FJlha ascuyta os preceptos e encomẽdamentos do meestre
preâmbulo: [ 2r] POis aleuãtemonos e quitemonos dos peccados em alguũ tempo
texto: … [ 96r] … vieras aa muy grande alteza e p̃feicam de doutrina e uirtudes q̃ atras dissemos. Deo gracias.
ID no. of Witness 13 cnum 22743
City, library, collection & call number Lorvão: Museu do Mosteiro Cisterciense de Lorvão, 18 (BITAGAP manid 4035)
Copied 1546
Location in witness ff. 1r-77v
Title(s) Benedictus, Regra de São Bento (tr. Martinho de Aljubarrota), traduzido/a 1380 ? - 1385 ?
Incipit & Explicits prólogo: [ 1r] Filho escuta os p̃ceitos et mandamẽtos do mestre
preâmbulo: [ 2r] Pojs leuantemonos irmãos
texto: [ 5v] Cousa çeerta e manifesta he q̃ quatro são as gerações … [ 77v] … as quaes açima dissemos. Deos graçias. 1546.
References Dias (2002), “A Regra de S. Bento, norma de vida monástica: sua problemática moderna e edições em português, ‘Rectissima norma vitae,' RB. 73. 13”, Revista da Faculdade de Letras. História. Terceira Série 3:39 , n. 7
ID no. of Witness 14 cnum 10890
City, library, collection & call number Lisboa: Biblioteca Nacional de Portugal, IL. 209 (BITAGAP manid 1901)
Copied Coimbra ?: 1576 - 1600
Title(s) Benedictus, Regra de São Bento (tr. Martinho de Aljubarrota), traduzido/a 1380 ? - 1385 ?
Note Castro (Bibid 17737, p.206) considera o texto de ser "The third translation…from the late sixteenth century, after all the other translations had been done", e por isso não medieval.

Record Status Created 1988-07-22
Updated 2021-08-14