Philobiblon (sm)(tm)

Back to Search     Back to Results


Work ID number BITAGAP texid 1047
Authors Gomes Eanes de Zurara, cronista-mor
Titles Crónica da Tomada de Ceuta
Crónica de D. João I [Pt. 3]
Incipit & Explicits prólogo: Conclusão é de Aristóteles
texto: O tempo e a grandeza da obra
Date / Place escrito/a 1449 - 1450-03-25
Text Type: Prosa
Associated Texts texid 14209 Desconhecido, Crónica de 1344/1459. Crónica breve da regência da rainha Dona Leonor e do reinado de D. João I, escrito/a 1459 a quo [?]
References (most recent first) Guimarães et al. (2021), “Danação e redenção da memória do Infante D. Pedro nas Crônicas de Gomes Eanes de Zurara”, Revista de História
Boissellier (2020), “Gomes Eanes de Zurara”, Dicionário: Cem Fragmentos Biográficos. A Idade Média em Trajetórias 597, 599
Coser (2020), “Jurisdições das rainhas medievais portuguesas: uma análise de queenship”, Tempo 236 e passim
Ferreira (2020), “Contributo para o estudo da influência de Séneca em Zurara”, O Mundo Clássico e a Universalidade dos sus Valores. Homenagem a Nair de Nazaré Castro Soares 2:263 e passim
Guimarães et al. (2020), “'Como gente temerosa e desesperada em que não há virtude nem fortaleza': a atualização do topos do peão covarde nas crônicas de Fernão Lopes, Gomes de Zurara e Rui de Pina”, Revista de Estudos de Cultura 29
Karlan (2020), “Falling into Shame: The Cultural History of an Emotion in Pre-Modern Iberia”, 107 e passim
Leandro (2020), “A iniciação dos nobres nos valores da corte (Portugal/século XV)”, 22 e passim
Marinho (2020), “A diplomacia e os diplomatas na baixa Idade Média portuguesa (1431-1475)”, Medievalista online
Mesquita (2020), “O abastecimento alimentar e vinícola de Ceuta na primeira metade do século XV”, Abastecer a Cidade na Europa Medieval. Provisioning Medieval European Towns 91
Molénat (2020), “Regards portugais sur le Maroc au moment de la conquête de Ceuta (1415)”, Entangled Peripheries. New Contributions to the History of Portugal and Marocco. Essays in homage to Eva Maria von Kemnitz passim
Rosenberger (2020), “Le Portugal, le Maroc, l'Océan, une histoire connectée”, Hésperis-Tamuda
Silva (2020), “A categoria gênero em pesquisas históricas sobre a Idade Média: do desafio à realidade”, Em Perspectiva 242
Tymowski (2020), Europeans and Africans. Mutual Discoveries and First Encounters passim
Cossío Olavide (2019), “Don Juan Manuel, Avís. Lectura, traducción y reescritura de Conde Lucanor en Portugal”, Memorabilia 153-55, 167
Díaz Marcilla (2019), “A imagem dos europeus nas crónicas portuguesas do século XV”, Portugal e a Europa nos séculos XV e XVI. Olhares, relações, identidad(es) 155 e passim
Faria (2019), “O papel da diplomacia na preparação da conquista de Ceuta”, Fragmenta Historica 38 e passim
Guimarães (2019), “'De qualquer outro do povo escrevera seu feito, se o achava em merecimento': Memória e esquecimento da 'gente miúda' nas crônicas de Gomes Eanes de Zurara”, passim
Karlan (2019), “Who is 'Mestre Pedro'?: A Hypothesis for Zurara as Reader of the Crónica sarracina”, Romance Notes
Martins (2019), “De D. Afonso III a D. João I. As 'bulas do mar' na construção da primeira 'plataforma continental' portuguesa?”, O Mar como Futuro de Portugal (c. 1223 - c. 1448). A propósito da contratação de Manuel Pessanha como Almirante por D. Dinis 303
Moniz et al. (2019), “O Infante D. Pedro de Avis e o mar”, O Mar como Futuro de Portugal. A propósito da contratação de Manuel Pessanha como Almirante por D. Dinis 183, 185-86
Oliveira (2019), “Charamelas e Trombetas: Em torno da música na cronística portuguesa dos finais da Idade Média”, passim
Branco (2019-20), “O Infante D. Henrique e D. Pedro nos Panéis de S. Vicente”, Mátria Digital passim
Rosa et al. (2018-10), “La noblesse dans la frontière nord-africaine (Portugal, 1415-1515): guerre, chevalerie, croisade”, e-Spania 31
Fuentes (2018), “'Crespo e Nuu e Negro': Gomes de Zurara and the Racialization of Non-Christians by Portuguese Authors”, Essays in Medieval Studies 21-22
Aguiar (2018), “As crónicas de Zurara: a corte, a aristocracia e a ideologia cavaleiresca em Portugal no século XV”, Medievalista online 23
Ventura (2018), “O elogio do contraditório. Reflexões sobre a cronística de Zurara”, A escrita da história de um lado a outro do Atlântico passim
França (2018), “Investidas moralizantes na história da expansão portuguesa”, A escrita da história de um lado a outro do Atlântico 167 e passim
Lima (2018), “Viagens diplomáticas: o rei português à corte de Luís XI”, Viagens e Espaços Imaginários na Idade Média 31
Lopes (2018), “The Importance of the Periphery: How the ocean was perceived during late medieval Christianity in the Iberian Southwest”, Fronteiras: Journal of Social, Technological and Environmental Science 169
Alvar et al. (2018), "Confessio Amantis". Literatura moral y materia amorosa en Inglaterra y la Península Ibérica (siglos XIV-XV) 1:83 (n.17)
Azevedo (2018), “Estratégias de Legitimação do Reinado de D. João I (1385-1433) nas narrativas de Fernão Lopes e Gomes Zurara”, Mosaico 11:passim
Beceiro Pita (2018), “La incidencia de la religiosidad en el establecimiento de las monarquías hispánicas de fines del medievo”, La espiritualidad y la configuracion de los reinos ibéricos (siglos XII-XV) 333-34
França (2018), “Palavras capitais na história dos reis, dos infantes e dos navegadores”, Topoi. Revista de História
Shibata (2018), “O surgimento da literatura humanista na Península Ibérica: traduções e apropriações da cultura clássica”, Revista de História e Estudos Culturais 9
Silva (2018), “The Portuguese Household of an English Queen: Sources, Purposes, Social Meaning (1387-1415)”, Royal and Elite Households in Medieval and Early Modern Europe 283, 285
Azevedo (2017), “Um símbolo de paz em meio a guerra, de esperança em meio ao caos: memórias idealizadas de D. Filipa de Lencastre nas narrativas de Fernão Lopes e Gomes Zurara”, XVI Semana de História: História, Cinema, Narrativas Audiovisuais passim
Coelho (2017), “As Feridas da Guerra no Portugal Medievo. Violência, sofrimento e cuidados médicos no campo de batalha”, 3, 5, Anexos XLVII-XLVIII
Guimarães (2017), “A Reconquista: entre o debate historiográfico e a avaliação de uma realidade tardo-medieval”, Revista História Hoje passim
Martins (2017), “Representações do Escravo Africano na Cronística Portuguesa do Séc. XV e XVI”, Encontros da Primavera Omni Tempore 2014-2015 234-36
Moreira (2017), “Memória(s) do rei D. Pedro: episódios não incluídos na Crónica de Fernão Lopes”, Guarecer. Revista Eletrónica de Estudos Medievais 2:passim
Rodrigues (2017), “A coabitação das armas de propulsão neurobalística e das armas de fogo na primeira fase do processo expansionista português em Marrocos (1415-1458)”, e-Stratégica 43-48, 59
Rodrigues (2017), “The Portuguese Art of War in Northern Morocco during the 15th Century”, Athens Journal of History 323 (nota 5)
Santos (2017), “A Nobreza e a Expansão no Norte de África (o caso de Ceuta)”, Omni Tempore. Encontros da Primavera 2014-2015
Silva (2017), “Filipa de Lancáster en Portugal (1387-1415): ¿las raíces de una nueva religiosidad?”, Edad Media. Revista de Historia 18:103 e passim
Trevisan (2017), “Relações adélficas na realeza portuguesa do século XV: os Infantes de Avis entre a hierarquia fraternal e a obediência régia”, Seminário Internacional Fazendo Gênero 11 & 13th Women's World Congress (Anais Eletrônicos) 4-5
Ventura (2017), “O episódio do Velho do Restelo: projectos de Portugal em vozes cruzadas. Uma homenagem a Borges de Macedo”, Brathair 104 e passim
Barbosa (2016), “'…as abelhas significamos nós outros e os pordais são os cristãos': a visão do mouro na Crónica de Zurara”, Ceuta e a Expansão Portuguesa. Actas XIV Simpósio de História Marítima,10 a 12 de Novembro de 2015 passim
Barros (2016), “Repensar Ceuta. Da armada de conquista às armadas de patrulha (séculos XV e XVI)”, Ceuta e a Expansão Portuguesa. Actas XIV Simpósio de História Marítima,10 a 12 de Novembro de 2015 400
Campos (2016), “Guerra e corso em Ceuta durante a capitania de D. Pedro de Meneses (1415-1437)”, Ceuta e a Expansão Portuguesa. Actas XIV Simpósio de História Marítima,10 a 12 de Novembro de 2015 337-39, 346
Coelho (2016), “Ceuta: um marco no processo legitimador da Dinastia de Avis”, Ceuta e a Expansão Portuguesa. Actas XIV Simpósio de História Marítima,10 a 12 de Novembro de 2015 21 e passim
Fonseca (2016), “A empresa de Ceuta - dos antecedentes às circunstâncias que ditaram as causas próximas”, Ceuta e a Expansão Portuguesa. Actas XIV Simpósio de História Marítima,10 a 12 de Novembro de 2015 63, 66, 69
Fonseca (2016), “Ceuta e a Expansão: uma nova definição da fronteira marítima portuguesa”, Ceuta e a Expansão Portuguesa. Actas XIV Simpósio de História Marítima, 10 a 12 de Novembro de 2015 582
Matos (2016), “Ceuta: uma controvérsia historiográfica”, Ceuta e a Expansão Portuguesa. Actas XIV Simpósio de História Marítima, 10 a 12 de Novembro de 2015 559, 564
Mantas (2016), “Dos feitos de Hércules aos feitos lusitanos. Ceuta e o Estreito no mundo antigo e medieval”, Ceuta e a Expansão Portuguesa. Actas XIV Simpósio de História Marítima,10 a 12 de Novembro de 2015 42
Mendes (2016), “Le Portugal et l'Atlantique. Expansion, esclavage et race en perspective (XIVe-XVIe siècles)”, Rives Meditérranéennes 53:141
Mesquita (2016), “O Abastecimento Alimentar de Ceuta, 1415 – 1458”, Incipit 5. Workshop de Estudos Medievais da Universidade do Porto, 2016 passim
Moniz (2016), “Ceuta e as duas políticas da expansão portuguesa”, Ceuta e a Expansão Portuguesa. Actas XIV Simpósio de História Marítima,10 a 12 de Novembro de 2015 240
Neto (2016), “Da Palamenta ao Enquadramento Internacional na Preparação da Expedição a Ceuta - Uma perspectiva nos domínios da Antropologia Política e da Antropologia do Estado”, Boletim da Sociedade de Geografia de Lisboa. Série 134 1-12:17-19
Olivera Serrano (2016), “Felipa y Catalina de Láncaster: religiosidad y relato historiográfico”, Anuario de Estudios Medievales 46:1:366-67
Pereira (2016), “O condicionalismo físico do Estreito de Gibraltar e a Expedição a Ceuta”, Ceuta e a Expansão Portuguesa. Actas XIV Simpósio de História Marítima,10 a 12 de Novembro de 2015 78-79, 82-90
Pires (2016), “A imagem do outro na Crónica da Tomada de Ceuta pelo Rei D. João I de Gomes Eanes de Zurara”, Medievalista online
Ramos (2016), “Cristãos e Mulçulmanos no Magrebe Ocidental: A Definição de uma Fronteira Zonal (1414/818-1521/927)”, Incipit 5. Workshop de Estudos Medievais da Universidade do Porto 34-44
Rema (2016), “A missionação franciscana em Ceuta e na Mauritânia”, Ceuta e a Expansão Portuguesa. Actas XIV Simpósio de História Marítima,10 a 12 de Novembro de 2015 372-73
Santos (2016), “Ceuta base-escola do corso ultramarino português”, Ceuta e a Expansão Portuguesa. Actas XIV Simpósio de História Marítima,10 a 12 de Novembro de 2015 204, 210-11
Shibata (2016), “Cultura clássica e literatura vernacular no século XV em Castela e Portugal”, História e Cultura: Dossiê Os primeiros passos dos escritos em línguas vernáculas na Idade Média 5:1:118-19
Silva (2016), “Ceuta na narrativa de Nicolau Lanckmann de Valckenstein”, Ceuta e a Expansão Portuguesa. Actas XIV Simpósio de História Marítima, 10 a 12 de Novembro de 2015 440 e passim
Ventura (2016), Informação e contra-informação na "Empresa de Ceuta': a embaixada ao Duque de Holanda 291 e passim
Humble Ferreira (2015), The Crown, the Court and the Casa da Índia. Political Centralization in Portugal 1479-1521 23
Alberto (2015), “A conquista de Ceuta: contexto e preparativos”, Lisboa 1415 Ceuta: historia de dos ciudades - história de duas cidades 21-25
Catarino (2015), “Torres Vedras nos inícios do séc. XV - uma vila do reino no caminho para Ceuta…”, A conquista de Ceuta: Conselho Régio de Torres Vedras 43, 46, 50
Cosme (2015), “A tomada de Ceuta em 1415: um acto de marketing político”, A conquista de Ceuta: Conselho Régio de Torres Vedras 107-11
Fonseca (2015), “Dúvidas de D. João I sobre a ida a Ceuta”, A conquista de Ceuta: Conselho Régio de Torres Vedras 97 e passim
Freitas (2015), “A reunião magna de Torres Vedras de 1414: um Conselho de Estado?”, A conquista de Ceuta: Conselho Régio de Torres Vedras 56-62
Gozalbes Cravioto (2015), “Ceuta en el momento previo a la conquista portuguesa”, Lisboa 1415 Ceuta: historia de dos ciudades - história de duas cidades 27-29
García (2015), “O legado de Lisboa a Ceuta e ao mundo”, Lisboa 1415 Ceuta 261-62
Michelan (2015), “Visões portuguesas acerca da África no final do medievo”, Revista Labirinto 22:257 e passim
Pinto (2015), “De Olhar atento e Ouvidos à escuta… A espionagem militar na cronística portuguesa de Quatrocentos: Fernão Lopes e Gomes Eanes de Zurara”, passim
Villada Paredes (2015), “Ceuta en vísperas de la conquista portuguesa”, A conquista de Ceuta: Conselho Régio de Torres Vedras 65 e passim
Beceiro Pita (2014), “La visión de la realeza: Juan II de Castilla y los Avís contemporáneos”, D. Duarte e a sua época: Arte, cultura, poder e espriritualidade 99
Berriel (2014), “O poder espiritual e a presença franciscana nas crônicas régias portuguesas”, Recôncavo. Revista de História da UNIABEU passim
Lombardo (2014), “Crônicas históricas sobre os portugueses no Magrebe (séc. XV e XVI): Fontes para um estudo lexical do português médio”, Anais da ALFAL 2014. XVII Congresso Internacional da Associação de Linguística e Filologia da América Latina (ALFAL)
Teodoro (2014), “Do varão casado a um reino virtuoso (Portugal - sécs. XIV-XVI)”, 155
Bertoli (2013), “Guerra, legitimação e Poder no norte da África. As fontes portuguesas”, Roda da Fortuna. Actas del I Congreso Internacional de Jóvenes Medievalistas Ciudad de Cáceres: Poder y violencia durante la Edad Media Peninsular (Siglos XIV y XV). Cáceres de 11 al 13 de diciembre de 2012
Boulègue (2013), Les royaumes wolof dans l'espace sénégambien: XIIIe-XVIIIe siècle 19, 300, 82-86, 96, 101-03
Guimarães (2013), "Por São Jorge! Por São Tiago!": batalhas e narrativas ibéricas medievais
Orta (2013), “Novos ramos de velho tronco. Relações de poder na Península Ibérica e no norte de África a partir da escrita cronística e chancelar (Séc. XV)”, Revista Diálogos Mediterrânicos 5:117-93
Trevisan (2013), “Narrar uma "história de família" no século XV: a memória da primeira geração de Avis por D. Duarte e os cronistas avisinos”, Atas do X Encontro Internacional de Estudos Medievais - Diálogos ibero-americanos [ABREM. Brasília, 2013] 211-12
Trevisan (2013-09-16), “Ser rei, ser pai: a exemplaridade de D. João I na criação dos infantes da Ínclita Geração (Portugal - século XV)”, Fazendo Gênero 10. Desafios Atuais do Feminismo. Anais Electrónicos 12 pp.
Figueiredo (2012), “Gomes Eanes de Zurara, cronista de cavaleiros e cavalarias”, De Cavaleiros e Cavalarias 49-56
Lima (2012), “A diplomacia na construção da Campanha de Ceuta”, Atas da IX Semana de Estudos Medievais 226-35
Sobral et al. (2012), Examinar os Manuscritos das Livrarias Particulares. Obra do Conde de Ericeira 100 , n. 142
Sobral et al. (2012), Examinar os Manuscritos das Livrarias Particulares. Obra do Conde de Ericeira 151
Teodoro (2012), A escrita do passado entre monges e leigos. Portugal - séculos XIV e XV 60-61, 77, 84, 94-95, 100, 116, 121-23
Michelan (2011-07), A África muçulmana e a África negra no imaginário português do século XV e início do XVI
Coser (2011-07), Modelo Mariano e Relações de Poder na Dinastia de Avis
Godinho (2011), Documentos sobre a expansão quatrocentista portuguesa 1:43 e passim [excertos modernizados e comentário]
G\omez Barceló (2011), “Tarifa en las crónicas lusas referidas a la costa africana del Estrecho”, Al Qantir
Silva (2011), “Filipa e Catalina de Lancaster e as negociações da paz de 1411 entre Portugal e Castela -segundo os cronistas portugueses”, La participación de las mujeres en lo político. Mediación, representación y toma de decisiones 281-91
Orta (2011), “‘Nõ soomente tinha elle homra pello padre, mas per sy mesmo': genealogia política, serviço e escrita cronistica em Portugal (1430-1460)”, História da Historiografia 7:225-44
Orta (2011), “Para a Glória dos Nobres: Relações de poder no noroeste africano e a produção cronística de Gomes Eanes de Zurara”, Anais do VIII Encontro Internacional de Estudos Medievais 1:251-59
Almeida et al. (2011), “A ideia de virtude no final da Idade Média: Um estudo comparativo entre o seu uso político em Florença, no século XIV, e em Portugal na segunda metade do século XV”, Signum - Revista da ABREM 12:2:230-41
Michelan (2011), “Duas facetas da guerra no final do medievo português: a guerra peninsular e a além-mar”, Revista OPSIS 11:1:200-07
Bertoli (2011), História interdisciplinar e a análise de crônicas portuguesas do século XV
Rebelo (2011), “Discursos distintos para concepções diferentes da Fé cristã”, Homo eloquens homo politicus. A retórica e a construção da cidade na Idade Média e no Renascimento 49, nota 10; 53, nota 14
Ventura (2011), “Portugal e Castela na reconquista cristã e na partilha do mundo: legitimidades, debates, cedências (1249 - 1494)”, Signum 12:132-35
Orta (2010), “Que façamos hua cousa que se começee e acabe por nos mesmos. Hierarquia, poder e exemplo na Crônica de Zurara (Séc. XV)”, Atas da VIII Semana de Estudos Medievais
Barbosa (2010), “A imagem do cavaleiro ideal em Avis à época de D. Duarte e D. Afonso V (1433-1481)”,
Barletta (2010), Death in Babylon: Alexander the Great & Iberian Empire in the Muslim Orient 4, 41, 75, 80-81, 86-103
França (2010), “Uma escrita do passado centrada nas guerras”, Cadernos de História 11:14:49-50, 53, 55 e 57
Amaral (2009), “As discussões historiográficas em torno do Infante Santo”, Medievalista online
Barletta (2009), “Uma Lança em África: Los cuerpos imperiales de Gomes Eanes de Zurara”, Res publica 21:71-84
Bertoli (2009), “O Cronista e o Cruzado: a revivescência do ideal da cavalaria no outono da Idade Média portuguesa (século XV)”,
Cruz (2009), “Between the Moor and the African: Purity and Impurity in the Earliest Portuguese Renaissance Chronicles”, Portuguese Studies 25:7-29
Costa (2009), Henrique, o infante 101-03, 165-73
Pereira (2009), “Rui de Pina: os factos, os retratos e as ideias”, Praça Velha. Revista Cultural da Cidade da Guarda
Rebelo (2009), “Os números da guerra e o pragmatismo do tópico dos Macabeos nos Príncipes de Avis”, A Guerra e a Sociedade na Idade Média. Actas das VI Jornadas Luso-Espanholas de Estudos Medievais 1:119-30
Rosa (2009), “Por detrás de Santiago e além das feridas bélicas. Mitologias perdidas da função guerreira”, A Guerra e a Sociedade na Idade Média. Actas das VI Jornadas Luso-Espanholas de Estudos Medievais 2
Sousa (2009), A Morte de D. João I: um tema de propaganda dinástica 23-24, 27-29
Blackmore (2008), Moorings: Portuguese Expansion and the Writing of Africa
Guimarães (2008), “O Papel da Violência na Ordem Pública”, Biblos 22:69-81
Orta et al. (2008), “Homens de pena sob a espada: dois casos no contexto ibérico e norte-africano (séculos XIV e XV)”, Revista Vernáculo 21-22:107-16
Orta (2008), “Do pretérito perfeito ao presente mais-que-perfeito: escrita e poder nas crônicas de Gomes Eanes de Zurara (c. 1449-1464)”, Ciclo Internacional de Estudos Antigos e Medievais
Bertoli (2007), “Uma leitura Possível da Crônica da Tomada de Ceuta, levando em conta a Representação do Infante D. Henrique nessa obra de Zurara”, Sociedade em Estudos 1:2:89-102
Bertoli (2007), “A natureza narrativa da Crônica da Tomada de Ceuta”, Cantareira. Revista Eletrônica de História
Berriel (2007), “Cristão e súdito: representação social franciscana e poder régio em Portugal (1383-1450)”,
França (2007), “A história portuguesa medieval: preservação, ordenação e esquecimento”, Varia Historia 23:38:492
Rebelo (2006), “O verdadeiro carácter de D. Fernando, o Infante Santo”, Humanitas
Rosa (2006), “Velhos, novos e mutáveis sagrados… um olhar antropológico sobre formas ‘religiosas' de percepáão e interpretação da conquista africana (1415-1521)”, Lusitania Sacra. 2a série 18:56-60, 73-74
Amaral (2004), “A construção de um Infante Santo em Portugal: (1438-1481)”,
Ventura (2004), “A ‘guerra justa': tradição, doutrina e prática nos inícios da modernidade. O caso português”, Homo Viator: Estudos em Homenagem a Fernando Cristóvão 578-81, 584
Amaral (2003), “O lugar das crônicas de Zurara nos descobrimentos portugueses no seçulo XV”, Anais do XXII Simpósio da ANPUH
França (2003), “A dimensão narrativa das crónicas de Fernão Lopes”, Cadernos do Sul 2:4:174
França (2003), “O problema da originalidade e da autoria nas crônicas medievais”, Anais do IV Encontro Internacional de Estudos Medievais 382, 384
Poettering (2002), “Die Rolle des Christusordens in der portugiesischen Expansion unter Heinrich dem Seefaher”, Sacra Militia. Rivista di Storia degli Ordini Militari 92
Rebelo (2001), “Martyrium et Gesta Infantis Domini Fernandi. Edição crítica. Tradução. Estudo Filológico”,
Queirós (1999), “As luzes e as sombras na tessitura da imagem do Infante D Henrique na Crônica da Tomada de Ceuta. Portugal - século XV”, Tempos Históricos 1:247-61
Melo (1997), Imagens da Arte: Contributos para a historiografia da Arte em Portugal no século XV 41-42, 70, 83
Ventura (1996), “Notas sobre a memória do Rei Ramiro e algumas reflexões sobre uma cláusula dos votos de Santiago”, Clio 1:17-20
Unali (1994), “Considerazioni sulla pirateria e sulla corsa musulmana e cristiana all'epoca della conquista portoghese di Ceuta (1415)”, Anuario de Estudios Medievales 24:560 e passim
Barros (1990), “A preparação das armadas no Portugal de finais da Idade Média”, Revista da Faculdade de Letras. História 107, 109, 122-23, 131
Silva (1988), “D. Filipa de Lencastre: Representações de uma rainha”, Actas do Colóquio Comemorativo do VI Centenário do Tratado de Windsor 297-313
Carvalho (1982), “Sobre a sutenticidade dos sermões de Fr. João Xira”, Obra completa Vol. 2, Pt. 2
Junqueiro (1982), “Política Norte Africana: Rumos na Expansaõ Portuguesa”, Clio 4:51-60
Repertorium fontium historiae Medii Aevi, primum ab Augusto Potthast digestum, nunc cura collegii historicorum e pluribus nationibus emendatum et auctum (1967-2007) 11:4:547
Repertorium fontium historiae Medii Aevi, primum ab Augusto Potthast digestum, nunc cura collegii historicorum e pluribus nationibus emendatum et auctum (1967-2007) 11:4:547
Carvalho (1960), “O Ideal da Cruzada do Infante D. Henrique”, Brotéria passim
Cruz (1960), “O Porto na génese dos descobrimentos”, Studium Generale 7:71-77
Brochado (1946), “O problema da guerra justa em Portugal”, Rumo: Revista de Cultura Portuguesa 1:43-44
Sousa (1721-07-17-1724-10-13), Memórias dos livros manuscritos da livraria dos Marquêses de Gouveia e Mordomos-mores 284v , n. 14
Sousa (2007), “Medieval Portuguese Royal Chronicles. Topics in a Discourse of Identity and Power”, e-journal of Portuguese History 5:2
Godinho (2007), “La légende du roi Rodrigue et l'imaginaire de l'expansion”, Eidolon 78:11-15
Blackmore (2006), “Imagining the Moor in Medieval Portugal”, Diacritics 36:27-43
Gomes (2005), “Zurara and the empire: Reconsidering fifteenth-century Portuguese historiography”, Storia della Storiografia - Histoire de l'historiographie - History of Historiography 47:56-89
Morán Cabanas (2004), “A propósito da erudição greco-latina e da imagística na Crónica da Tomada de Ceuta de Gomes Eanes de Zurara”, Troianalexandrina. Anuario sobre Literatura Medieval de Materia Clásica
Marques (2003), “A Pregação em Portugal na Idade Média. Alguns aspectos”, Via Spiritus 9:341
Duarte (2002), “O relato de discurso na Crónica da Tomada de Ceuta de Gomes Eanes de Zurara”, Encontro comemorativo dos 25 anos do Centro de Linguística da Universidade do Porto 1:207-15
Duarte (2002), “A Crónica perdida de Vasco Fernandes de Lucena”, Biblos 78:131
Figueiredo (2001), “O narrador e o herói na Crónica da tomada de Ceuta de Gomes Eanes de Zurara”, Figura. Actas do II Colóquio […] 89-109
Krüger (2000), “Stationen auf Portugals Weg nach Brasilien: von dem ‘aventureiros' von Lissabon nach Abu-Idrissi (1154) bis zur Durchbrechung des Cabo Não (1447)”, Lusorama 43-44:40-91
Mendonça (2000), “Lisboa nas crónicas do século XV”, Clio. Nova Série 5:147-65
Russell (2000), Prince Henry ‘the Navigator': A Life 30, 38-39
Briesemeister (1998), “Portugiesisch und Lateinisch. Humanismus und Sprachbewusstsein in Portugal im 15. und 16 Jahrhundert”, Lusitanica et Romanica. Festschrift für Dieter Woll 29-40
Goodman (1998), Chivalry and Exploration 1298-1630 135-48
Rebelo (1998), “As crónicas portuguesas de século XVI”, Viagens do Olhar. Retrospecção, Visão e Profecia no Renascimento Português 175-82
Braga (1997), “As relaçoes mouros/cristãos nas crónicas marroquinas de Gomes Eanes de Zurara”, Eborensia 19/20:171-80
Mendes (1997), “As relações Mouros / Cristãos nas Crónicas marroquinas de Gomes Eanes de Zurara”, Eborensia 19/20:171-80
Queirós (1997), “‘Pera Espelho de Todollos Uivos'. A imagem do Infante D. Henrique na Crônica da Tomada de Ceuta”,
Figueiredo (1996), “O Ideal da cavalaria na Crónica da Tomada de Ceuta de Gomes Eanes de Zurara”,
Cepeda (1995), Bibliografia da Prosa Medieval em Língua Portuguesa 237-39
Loureiro (1995), O Infante D. Henrique e a Expansão Portuguesa. Antologia Documental (Textos dos séculos XV e XVI) 46-48, 214-20
Hair (1994), “The Early Sources on Guinea”, History in Africa 21:87-126
Gozalbes Cravioto (1993), “La topografía urbana de Ceuta, en la Crónica da Tomada de Ceuta de Gomes Eanes de Zurara”, Ceuta hispano portuguesa 189-206
Loureiro et al. (1993), “Visão do mouro nas Crónicas de Zurara”, Caderno Histórico IV. Actas do Seminário "Os Descobrimentos Portugueses e o Algarve d'Aquém e d'Além-Mar" 60-83
Ventura (1992), O Messias de Lisboa: Um estudo de mitologia política (1383-1415) 96-102
Zurara et al. (1992), Crónica da Tomada de Ceuta
Loureiro (1991), “A visão do mouro nas crónicas de Zurara”, Mare Liberum
Brocardo (1990), “As edições das crónicas de Gomes Eanes de Zurara”, Actas do Vo Encontro da Associação Portuguesa de Linguística 29-33
Silva (1987), “Expansão portuguesa e mentalidade religiosa (Relendo Gomes de Zurara)”, Brotéria 125:537-55
Ventura (1987), “O Algarve nos primórdios da expansão - um sermão milenarista em Lagos (12.VII.1415)”, Revista da Faculdade de Letras. Quinta Série 8:73-78
Moreno (1986-87), “O valor da crónica de Zurara sobre a conquista de Ceuta”, A Abertura do Mundo: Estudos de História dos Descobrimentos Europeus em Homenagem a Luís de Albuquerque 2:191-202
Lobato (1985), “Ainda em torno da Conquista de Ceuta”, Clio 5:21-28
Martins (1980), “Gomes Eanes de Zurara”, Alegorias, Símbolos e Exemplos Morais da Literatura Medieval Portuguesa
Martins (1979), A Bíblia na Literatura Medieval Portuguesa 81-85
Soares (1977), “A historiografia portuguesa no século XV. Crónicas e cronistas”, A Historiografia Portuguesa anterior a Herculano. Actas do Colóquio 67-86
Lobato (1971), A Vida Quotidiana em Ceuta depois da Conquista (1415-1437)
Alexandrino (1970), “A 'Crónica da tomada de Ceuta': sua discordância da 'Crónica do Condestabre', subsídios para a resolução do problema”,
Livermore (1965), “On the Conquest of Ceuta”, Luso-Brazilian Review 2:1:3-13
Nunes (1944), “Ensaio sobre a linguagem da Crónica da tomada de Ceuta de Gomes Eanes de Zurara”,
Zurara et al. (1942), Crónica da Tomada de Ceuta
Pereira (1915), “O livro Pastor de Hermas citado por Gomes Eannes de Zurara”, Boletim da Segunda Classe 351-55
Índice da Crónica do Rei D. João de Boa Memória (séc. XVI)
Pereira (1919-1920 [1922]), “Nota a uma passagem da Crónica da Tomada de Ceuta”, Boletim da Segunda Classe 144-53
Silva (2015), “Chronicle-Composition in Medieval Portugal. A General Outline”, Mirator 15:43
Carvalho (s.d.), Pontos de Partida para uma Humanidade Globalizada: a Revolução portuguesa de 1383. O Infante D. Henrique e a génese dos descobrimentos passim
Subject Relações com a África e Ilhas
Crónicas - Histórias Medievais
Crónicas - Cronista - Gomes Eanes de Zurara
Fundo Geral
Number of Witnesses 36
ID no. of Witness 1 cnum 19178
City, library, collection & call number Desconhecido: Não localizado, (BITAGAP manid 3386)
Title(s) Gomes Eanes de Zurara, cronista-mor, Crónica da Tomada de Ceuta, escrito/a 1449 - 1450-03-25
ID no. of Witness 2 cnum 27627
City, library, collection & call number Lisboa: Biblioteca do Palácio da Ajuda, 54-X-28 (3) (BITAGAP manid 5288)
Location in witness f. 1r
Title(s) Gomes Eanes de Zurara, cronista-mor, Crónica da Tomada de Ceuta, escrito/a 1449 - 1450-03-25 [só o prólogo, truncado]
Incipit & Explicits texto: [ 1r] Conclusão he de Aristoteles
ID no. of Witness 3 cnum 1327
City, library, collection & call number Lisboa: Arquivo Nacional da Torre do Tombo, Crónicas, 10 (BITAGAP manid 1280)
Copied 1475 - 1525
Location in witness ff. 1r-130v
Title(s) Gomes Eanes de Zurara, cronista-mor, Crónica da Tomada de Ceuta, escrito/a 1449 - 1450-03-25
Incipit & Explicits texto: [ 1r] […] mas pero que o seu cuido fosse assaz de gramde … [ 130v] … e duzemtos e cimquo dias mais.
Condition "Faltam os primeiros dez capítulos e a parte do undécimo" [Dias Dinis]
References Zurara et al. (1915), Crónica da Tomada de Ceuta por el Rei D. João I
ID no. of Witness 4 cnum 2165
City, library, collection & call number Cambridge: Harvard University (Houghton Library), f MS Port. 21 (BITAGAP manid 1603)
Copied 1490 - 1525
Location in witness ff. 1r-189r
Title(s) Gomes Eanes de Zurara, cronista-mor, Crónica da Tomada de Ceuta, escrito/a 1449 - 1450-03-25
Incipit & Explicits prólogo: [ 1r] Comcrusão he darystotelys
texto: [ 4r] O tempo e a gramdeza da obra … [ 189r] … dom affomso ho quij̃to em omze Años e duzemtos e cymquo dias mays.
ID no. of Witness 5 cnum 21663
City, library, collection & call number Desconhecido: Não localizado, (BITAGAP manid 3798)
Copied 1491 - 1500
Title(s) Gomes Eanes de Zurara, cronista-mor, Crónica da Tomada de Ceuta, escrito/a 1449 - 1450-03-25
ID no. of Witness 6 cnum 22341
City, library, collection & call number Minneapolis: Universtiy of Minnesota, 1500 fZu (BITAGAP manid 3925)
Copied 1500 ca.
Title(s) Gomes Eanes de Zurara, cronista-mor, Crónica da Tomada de Ceuta, escrito/a 1449 - 1450-03-25
ID no. of Witness 7 cnum 1329
City, library, collection & call number Lisboa: Arquivo Nacional da Torre do Tombo, Crónicas, 9 (BITAGAP manid 1281)
Copied 1501 - 1525
Location in witness ff. 1r-150v
Title(s) Gomes Eanes de Zurara, cronista-mor, Crónica da Tomada de Ceuta, escrito/a 1449 - 1450-03-25
Incipit & Explicits prólogo: [ 1r] COcrusam he de aristoteles
texto: [ 3r] O Tempo & grãdeza das obras … [ 150v] … em onze annos. & dozentos & çinquo dias mais.
References Nunes (1932), Florilégio da Literatura Portuguesa Arcaica 127-28
Zurara et al. (1915), Crónica da Tomada de Ceuta por el Rei D. João I
ID no. of Witness 8 cnum 1333
City, library, collection & call number Muge: Casa Cadaval, M-VIII-19 (BITAGAP manid 1249)
Copied 1501 - 1600
Location in witness ff. 1r-251v
Title(s) Gomes Eanes de Zurara, cronista-mor, Crónica da Tomada de Ceuta, escrito/a 1449 - 1450-03-25
Incipit & Explicits texto: [ 2r] Comclusaõ hee de aristotiles no Segundo liuro … [ 251v] … em omze annos e dozentos e çinco dyas mais.
ID no. of Witness 9 cnum 1331
City, library, collection & call number Lisboa: Biblioteca Nacional de Portugal, COD. 391 (BITAGAP manid 1282)
Copied 1501 - 1600
Location in witness ff. 13r-231v
Title(s) Gomes Eanes de Zurara, cronista-mor, Crónica da Tomada de Ceuta, escrito/a 1449 - 1450-03-25
Incipit & Explicits texto: [ 13r] […] nas grandes vertudes delRey Dom Joham
Condition Falta texto ao fim
ID no. of Witness 10 cnum 1238
City, library, collection & call number Lisboa: Biblioteca Nacional de Portugal, ALC. 311 (BITAGAP manid 1248)
Copied 1501 - 1600
Location in witness ff. 358r-595r
Title(s) Gomes Eanes de Zurara, cronista-mor, Crónica da Tomada de Ceuta, escrito/a 1449 - 1450-03-25
Incipit & Explicits texto: [ 358r] Qual foi o pro uimto daquela demanda … [ 594r] … e bendigan ho seu nome ouuindo o profeso de suas uirtudes.
ID no. of Witness 11 cnum 11046
City, library, collection & call number Lisboa: Arquivo Nacional da Torre do Tombo, Belém, Mosteiro de Santa Maria de (Ordem de São Jerónimo). Liv. 78 [Casa Forte] (BITAGAP manid 1949)
Copied 1501 - 1600
Location in witness ff. 1r-251r
Title(s) Gomes Eanes de Zurara, cronista-mor, Crónica da Tomada de Ceuta, escrito/a 1449 - 1450-03-25
Incipit & Explicits prólogo: [ 1r] Conclusaõ hee de Aristotoles
texto: [ 8r] Qual foy o primro mouimto … [ 251r] … em 12 anos em 215 dias mais.
ID no. of Witness 12 cnum 11027
City, library, collection & call number Lisboa: Arquivo Nacional da Torre do Tombo, Crónicas, 14 (BITAGAP manid 1947)
Copied Álvaro do Couto de Vasconcelos, 1526 - 1550
Location in witness ff. 1r-235v
Title(s) Gomes Eanes de Zurara, cronista-mor, Crónica da Tomada de Ceuta, escrito/a 1449 - 1450-03-25
Incipit & Explicits texto: [ 1r] Comcrusam he daRistololis … [ 235v] … Duzentos E çimquo Dias mays.
ID no. of Witness 13 cnum 1332
City, library, collection & call number Lisboa: Biblioteca Nacional de Portugal, COD. 13136 (BITAGAP manid 1283)
Copied 1530-08-20 a quo
Location in witness ff. 1r-180v
Title(s) Gomes Eanes de Zurara, cronista-mor, Crónica da Tomada de Ceuta, escrito/a 1449 - 1450-03-25
Tomada de muy Nobre Cidade de çepta
Incipit & Explicits prólogo: [ 1r] Comcrussão he daristytoteles no segundo Liuro
texto: … [ 180v] … aos omze anos e dozemtos e cimquo dias.
ID no. of Witness 14 cnum 1554
City, library, collection & call number Lisboa: Biblioteca do Palácio da Ajuda, 47-XIII-23 (BITAGAP manid 1214)
Copied Álvaro do Couto de Vasconcelos, 1532 ?
Location in witness ff. 2-239r
Title(s) Gomes Eanes de Zurara, cronista-mor, Crónica da Tomada de Ceuta, escrito/a 1449 - 1450-03-25
Incipit & Explicits texto: [ 2r] […] houtorguamento de cyma
Note Falta o primeiro folio.
ID no. of Witness 15 cnum 1305
City, library, collection & call number Lisboa: Biblioteca Nacional de Portugal, COD. 11039 (BITAGAP manid 1463)
Copied 1545 ?
Location in witness ff. 422-575
Title(s) Gomes Eanes de Zurara, cronista-mor, Crónica da Tomada de Ceuta, escrito/a 1449 - 1450-03-25
Incipit & Explicits texto: [ 1r] Concrusão he daristotelis … [ 161] … em mil & cuatro centos e sincoenta annos.
ID no. of Witness 16 cnum 30939
City, library, collection & call number Porto: Biblioteca Pública Municipal, Ms. 180 (BITAGAP manid 3960)
Copied 1551 - 1600
1446 a quo - 1470
Location in witness pp. I: [68-70A]
Title(s) Gomes Eanes de Zurara, cronista-mor, Crónica da Tomada de Ceuta, escrito/a 1449 - 1450-03-25 [resumo comentado por desconhecido]
Incipit & Explicits texto: [ I: 68] elrey d. João o primro persuadido de seus filhos … [ I: 70A] … o mesmo a outros mtos senhores e fidalgos
ID no. of Witness 17 cnum 1631
City, library, collection & call number Lisboa: Biblioteca Nacional de Portugal, COD. 8030 (BITAGAP manid 1059)
Copied 1581 - 1625
Location in witness ff. II:2r-123v
Title(s) Gomes Eanes de Zurara, cronista-mor, Crónica da Tomada de Ceuta, escrito/a 1449 - 1450-03-25
Incipit & Explicits prólogo: [ II:2r] Concluzão he de Aristotales no Segundo Lyuro da natural filosofia
texto: [ II:4r] O tempo e grandeza das obras … [ II:123v] … polla misericordia de Ds̃ estee e descançe na gloria. Amen.
ID no. of Witness 18 cnum 1671
City, library, collection & call number Lisboa: Arquivo Nacional da Torre do Tombo, Casa Fronteira e Alorna, liv. 11 (BITAGAP manid 1404)
Copied João Coelho de Almeida, 1601 - 1630 ca.
Location in witness ff. [i] + 1-123v
Title(s) Gomes Eanes de Zurara, cronista-mor, Crónica da Tomada de Ceuta, escrito/a 1449 - 1450-03-25
Incipit & Explicits prólogo: [ [i r]] Concluzam he de Aristoteles
texto: [ 1r] Quando foi o prim.o mouimento
ID no. of Witness 19 cnum 1512
City, library, collection & call number Lisboa: Biblioteca do Palácio da Ajuda, 49-XI-43 (BITAGAP manid 1222)
Copied 1601 - 1634
Location in witness pp. 1-385
Title(s) Gomes Eanes de Zurara, cronista-mor, Crónica da Tomada de Ceuta, escrito/a 1449 - 1450-03-25
Incipit & Explicits texto: [ 1] Concrusão he daristotilis
ID no. of Witness 20 cnum 1058
City, library, collection & call number Paris: Bibliothèque nationale de France [Richelieu], Fonds Portugais, 127 (BITAGAP manid 1107)
Copied 1601 - 1700
Location in witness ff. 1r-112v
Title(s) Gomes Eanes de Zurara, cronista-mor, Crónica da Tomada de Ceuta, escrito/a 1449 - 1450-03-25
Incipit & Explicits texto: [ 1r] Qual foi o prym̃ vencimento daquella demãda
ID no. of Witness 21 cnum 26599
City, library, collection & call number Salamanca: Universidad de Salamanca. Biblioteca General Histórica, 2466 (BITAGAP manid 4629)
Copied 1601 - 1700
Location in witness ff. 1r-142r
Title(s) Gomes Eanes de Zurara, cronista-mor, Crónica da Tomada de Ceuta, escrito/a 1449 - 1450-03-25
ID no. of Witness 22 cnum 11257
City, library, collection & call number Lisboa: Arquivo Nacional da Torre do Tombo, Manuscritos da Livraria, 1923 (BITAGAP manid 2039)
Copied 1601 - 1700
Location in witness ff. 1r-72r
Title(s) Gomes Eanes de Zurara, cronista-mor, Crónica da Tomada de Ceuta, escrito/a 1449 - 1450-03-25
Incipit & Explicits texto: [ 1r] O tempo e a grandeza da obra nos comstrange … [ 72r] … esteya em descãso e gloria. Amen. fim.
ID no. of Witness 23 cnum 1336
City, library, collection & call number Lisboa: Biblioteca Nacional de Portugal, ALC. 317 (BITAGAP manid 1285)
Copied 1601 - 1700
Location in witness ff. 1r-201r
Title(s) Gomes Eanes de Zurara, cronista-mor, Crónica da Tomada de Ceuta, escrito/a 1449 - 1450-03-25
Incipit & Explicits texto: [ 1r] Concrusam he de Aristoteles no segundo liuro … [ 201r] … em onze annos e duzentos e cinquo dias mais.
ID no. of Witness 24 cnum 1344
City, library, collection & call number Muge: Casa Cadaval, M-VIII-7 (BITAGAP manid 1287)
Copied 1601 - 1700
Location in witness ff. 121r-328v
Title(s) Gomes Eanes de Zurara, cronista-mor, Crónica da Tomada de Ceuta, escrito/a 1449 - 1450-03-25
Incipit & Explicits prólogo: [ 121r] Conclusam he de Aristoteles no segundo liuro
texto: [ 122r] Quando foi o primeiro mouimento … [ 328v] … Duarte terceiro Rey de Jnglaterra o anno de […].
ID no. of Witness 25 cnum 1342
City, library, collection & call number Lisboa: Arquivo Nacional da Torre do Tombo, Manuscritos da Livraria, 2057 (BITAGAP manid 1286)
Copied 1601 - 1700
Location in witness ff. II:1r-168v
Title(s) Gomes Eanes de Zurara, cronista-mor, Crónica da Tomada de Ceuta, escrito/a 1449 - 1450-03-25
Incipit & Explicits prólogo: [ II:1r] Conclusaõ he de Aristoteles No Segundo Liuro
texto: [ II:1v] Quando foi o primeiro mouimento … [ II:109v] … e sucessor no Rejno he declarado.
ID no. of Witness 26 cnum 1334
City, library, collection & call number Lisboa: Biblioteca Nacional de Portugal, COD. 385 (BITAGAP manid 1284)
Copied 1601 - 1700 (Dias Dinis)
1501 - 1600 (Inventário, 1896, n. 385)
Location in witness ff. 1r-187r
Title(s) Gomes Eanes de Zurara, cronista-mor, Crónica da Tomada de Ceuta, escrito/a 1449 - 1450-03-25
Incipit & Explicits texto: [ 1r] Conclusão he de Aristotiles no 2.o liuro … [ 183r] … em xj annos e ij.b dias mays.
ID no. of Witness 27 cnum 1330
City, library, collection & call number Lisboa: Biblioteca do Palácio da Ajuda, 49-XI-65 (BITAGAP manid 1232)
Copied 1601 - 1700
1501 - 1600 (Dias Dinis)
Location in witness pp. 1-565
Title(s) Gomes Eanes de Zurara, cronista-mor, Crónica da Tomada de Ceuta, escrito/a 1449 - 1450-03-25
Incipit & Explicits prólogo: [ 1] Comcrusaõ he de aristoteles
texto: [ 9] O tempo e gramdeza das obras … [ 565] … e dozemtos e çinco dias mays.
ID no. of Witness 28 cnum 1544
City, library, collection & call number Lisboa: Biblioteca do Palácio da Ajuda, 49-XI-66 (BITAGAP manid 1233)
Copied 1601 - 1700
Location in witness ff. 1r-175r
Title(s) Gomes Eanes de Zurara, cronista-mor, Crónica da Tomada de Ceuta, escrito/a 1449 - 1450-03-25
Incipit & Explicits prólogo: [ 1r] Comcruzão he de aristotoles
texto: [ 3v] El Rei dom p.o despois da morte
ID no. of Witness 29 cnum 1339
City, library, collection & call number Lisboa: Arquivo Nacional da Torre do Tombo, Manuscritos da Livraria, 1778 (BITAGAP manid 1142)
Copied Francisco Soares, 1615-10-06 Terminada a Primeira Parte
1615-11-30 Terminada a Segunda Parte
Location in witness pp. III:1-242
Title(s) Gomes Eanes de Zurara, cronista-mor, Crónica da Tomada de Ceuta, escrito/a 1449 - 1450-03-25
Incipit & Explicits texto: [ 1] Conclusão he de Aristoteles … [ 242] … o proçesso de suas uirtudes.
ID no. of Witness 30 cnum 1131
City, library, collection & call number Lisboa: Biblioteca Nacional de Portugal, Res. 1977 V (BITAGAP manid 1177)
Imprint Lisboa: António Álvares, 1644
Location in witness pp. 1-283
Title(s) Gomes Eanes de Zurara, cronista-mor, Crónica da Tomada de Ceuta, escrito/a 1449 - 1450-03-25
Chronica DelRey D. Ioam. I. de boa memoria e dos Reys de Portugal o decimo. Terceira parte. Em qve se contem a tomada de Ceita.
Incipit & Explicits prólogo: [ [*3r]] Conclvsam he de Aristoteles
texto: [ 1] O Tempo & grandeza das obras nos constrange … [ 283] … & dos Reys de Portugal o Duodecimo.
References Lopes et al. (1897-1900), Chronica de el-rei D. João I 8-10
ID no. of Witness 31 cnum 1346
City, library, collection & call number Madrid: Biblioteca Nacional de España, MSS/820 (BITAGAP manid 1289)
Copied 1650 - 1750
Location in witness ff. 1r-140r
Title(s) Gomes Eanes de Zurara, cronista-mor, Crónica da Tomada de Ceuta, escrito/a 1449 - 1450-03-25
Incipit & Explicits texto: [ 1r] Concrusam he de Aristoteles no segundo liuro … [ 140r] … em onze annos e duzentos e sinco dias.
ID no. of Witness 32 cnum 1345
City, library, collection & call number Lisboa (Belém): Museu Nacional de Arqueologia do Dr. Leite de Vasconcelos, Ms/COD/72 (BITAGAP manid 1288)
Copied 1650 - 1750
Location in witness ff. 2r-201v
Title(s) Gomes Eanes de Zurara, cronista-mor, Crónica da Tomada de Ceuta, escrito/a 1449 - 1450-03-25
Terceira Parte da Chronica del Rei Dom Ioam […], 1r
Incipit & Explicits prólogo: [ 2r] Conclvsam he daristotiles no segundo liuro
texto: [ 8r] Qual foi o p.ro mouimto daquella dem̃da … [ 201v] … e despesas o gouernou sempre em seu estado.
References Machado (1920), “Aquisições do Museu Etnológico Português”, O Archeologo Português 1:291
ID no. of Witness 33 cnum 23818
City, library, collection & call number Vila Viçosa: Biblioteca da Casa de Bragança, BDM II Res Ms 3-B Adq (BITAGAP manid 4381)
Copied 1701 - 1800
Title(s) Gomes Eanes de Zurara, cronista-mor, Crónica da Tomada de Ceuta, escrito/a 1449 - 1450-03-25
ID no. of Witness 34 cnum 1348
City, library, collection & call number Santarém: Biblioteca Municipal, 7 - 5 - 1 (BITAGAP manid 1291)
Copied 1701 - 1800
Location in witness ff. 1r-176v
Title(s) Gomes Eanes de Zurara, cronista-mor, Crónica da Tomada de Ceuta, escrito/a 1449 - 1450-03-25
Incipit & Explicits prólogo: [ 1r] Concruzão he de Aristoteles … [ 176v] … em ii annos e 205 dias mais.
ID no. of Witness 35 cnum 1347
City, library, collection & call number Porto: Biblioteca Pública Municipal, Ms. 96 (BITAGAP manid 1290)
Copied 1701 - 1800
Location in witness ff. 1r-163v
Title(s) Gomes Eanes de Zurara, cronista-mor, Crónica da Tomada de Ceuta, escrito/a 1449 - 1450-03-25
Incipit & Explicits prólogo: [ 1r] Conclusão he de Aristoteles no segundo liuro
texto: [ 5v] Qual foi o primeiro mouimto daquello demando que era … [ 163v] … e seu nome ouuindo o processo de suas virtudes.
Condition Falta o último capítulo.
ID no. of Witness 36 cnum 8962
City, library, collection & call number Lisboa: Biblioteca Nacional de Portugal, MSS. 203, n. 40 (BITAGAP manid 1744)
Copied 1851 - 1900
Title(s) Gomes Eanes de Zurara, cronista-mor, Crónica da Tomada de Ceuta, escrito/a 1449 - 1450-03-25 fragmento
Condition Extractos
Record Status Created 1988-07-13
Updated 2021-04-27